Três jovens detidos por suspeitas de roubarem taxistas em Lisboa

Agência Lusa , BMA
11 fev, 06:05
PSP

Criminosos deslocavam-se até às zonas do Chiado e Cais do Sodré, onde apanhavam táxis com destino a Carnide ou à Amadora

As autoridades detiveram na quinta-feira em Lisboa três jovens, entre os 16 e os 18 anos, suspeitos de vários crimes de roubo violento cometidos contra taxistas, divulgou o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis).

“Desde novembro de 2021 que os três detidos, durante a noite, deslocavam-se à zona histórica de Lisboa [Chiado/Cais do Sodré], onde apanhavam um táxi com destino a Carnide ou Amadora e, já próximos do destino final, direcionavam os motoristas para as ruas sem saída onde consumavam os roubos”, explica o Cometlis, em comunicado.

Na nota é referido que a “grande maioria” dos roubos “eram cometidos com violência, com recurso a arma branca, em algumas situações, com golpes em zonas vitais do corpo, ainda que pouca ou nenhuma resistência fosse oferecida” pelas vítimas.

“Até ao momento foi possível indiciar este grupo criminoso e violento com pelo menos cinco crimes de roubo praticados todos de forma muito semelhante, seja na violência, no trajeto, bem como nos objetos que procuravam subtrair aos motoristas dos táxis”, aponta o Cometlis.

No âmbito desta operação policial, as autoridades concretizaram, durante o dia desta quinta-feira, três buscas domiciliárias na zona da Amadora, sendo possível dar cumprimento aos três mandados de detenção que pendiam sobre os suspeitos.

Os três jovens, de 16, 17 e 18 anos, não têm antecedentes criminais por este tipo de crime e serão presentes na sexta-feira no Tribunal de Comarca de Lisboa, a fim de lhe serem aplicadas as respetivas medidas de coação.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados