PJ apanha em flagrante quatro funcionários do aeroporto de Lisboa com 30 kg de cocaína 

21 jun 2023, 12:15
Polícia Judiciária

Os quatro suspeitos respondem por tráfico internacional de droga e arriscam prisão preventiva

Quatro funcionários da Groundforce, empresa responsável pela logística de retirada de bagagens dos aviões que aterram no Aeroporto de Lisboa, foram apanhados em flagrante com 30 quilos de cocaína na noite desta terça-feira, sabe a CNN Portugal.

Os funcionários da empresa estavam sob investigação da Polícia Judiciária, por ligações a um cartel da América do Sul que faz de Portugal a porta de entrada de cocaína na Europa. Tinham por missão desviar malas com droga do alcance da fiscalização alfandegária, fazendo com que saíssem do aeroporto em segurança.

Esta terça-feira foram sujeitos a uma ação de vigilância da PJ e, na sequência da chegada de um voo à Portela, pelas 21h00, acabaram detidos em flagrante na posse de 30 quilos de cocaína. 

O esquema foi assim desfeito, na sequência de outros envolvendo funcionários da Groundforce que têm sido desmantelados pela PJ ao longo dos tempos.    

Os quatro suspeitos respondem por tráfico internacional de droga e serão agora presentes a um juiz, arriscando prisão preventiva.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados