Exclusivo: Cavaco Silva diz que PSD de Rio “era suporte do PS” e “pareceu um partido regional”

3 jun, 14:24

Entrevista exclusiva do antigo Presidente da República à CNN Portugal para ver esta noite, às 22:30

Cavaco Silva diz que o PSD de Rui Rio foi “suporte do PS” e que permitiu que fosse “humilhado” pelos socialistas.

Em entrevista exclusiva à CNN Portugal, o antigo Presidente da República afirma mesmo que o PSD “quase que pareceu um partido regional”.

“Penso que muitos eleitores viram ao longo do tempo um PSD que era suporte do PS, quando às vezes era mesmo humilhado em debates na Assembleia da República pelo PS”, considera, num excerto da entrevista conduzida por Maria João Avillez.

Para Cavaco Silva, foi também “um erro o PSD deixar-se enlear na dicotomia direita-esquerda”. “Era uma armadilha montada pelo PS e por alguns órgãos de comunicação social para desqualificarem o PSD e impedirem que alguns votantes saíssem do PS para votar no PSD”, defendeu.

Neste excerto da entrevista, que vai ser transmitida esta sexta-feira, o ex-chefe de Estado criticou igualmente o processo de transição do novo líder dos sociais-democratas, considerando mesmo que “foi um absurdo total”.

“Foi muito negativo para o PSD nos últimos tempos o arrastar da situação da escolha do novo líder. Cinco meses sem líder: as eleições a 30 de janeiro e o novo líder em plena efetividade de funções ao fim de cinco meses, isto é um absurdo total”, lamentou.

Quanto ao novo líder do PSD, Luís Montenegro, Cavaco Silva acredita que tem ideias claras sobre como se deve fazer oposição.

“Tenho a ideia de que o Dr. Luís Montenegro tem muito claro na sua cabeça como é preciso fazer oposição neste momento para dar um futuro melhor ao nosso país.”

A entrevista exclusiva de Cavaco Silva à CNN Portugal vai poder ser vista esta sexta-feira às 22:30.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Política

Mais Política

Patrocinados