Southampton-Benfica, 0-2 (destaques)

12 jul 2023, 17:17
David Neres (Twitter/Benfica)

David Neres a falar com os pés

A FIGURA: David Neres

Horas depois de ter sido conhecido o castigo ao jogador por excessos verbais nos festejos do título - o Benfica já anunciou que vai recorrer -, David Neres fez questão de falar com os pés, compondo um bela prosa no flanco direito do ataque encarnado. Foram 45 minutos de nível elevado, provocando inúmeros desequilíbrios perante um Southampton a preparar-se para disputar o Championship inglês. Marcou um golo, atirou uma bola ao poste, serviu companheiros de equipa, correu, fintou, foi uma delícia para os adeptos ao longo da etapa inicial do encontro.

CRÓNICA DO SOUTHAMPTON-BENFICA

O MOMENTO: Ristic na via rápida (45m)

O Benfica chegou rapidamente à vantagem e ameaçou mais golos, inclusivamente por Ristic, que mereceu a confiança de Roger Schmidt dias após a chegada de Jurasek ao clube. O lateral sérvio recebeu na esquerda, progrediu no terreno e beneficiou da escassa pressão do adversário para desferir um belo remate de pé esquerdo, à entrada da área, cruzado, sem hipóteses para o guarda-redes do Southampton. Questão resolvida.

FILME DO JOGO E VIDEOS DOS GOLOS

OUTROS DESTAQUES

Kökcü: o internacional turco, reforço mais caro da história do futebol português, surgiu no onze inicial ao lado de Chiquinho. Kökcü procurou desde cedo impor o seu jogo, de passe curto e orientado, não raras vezes ao primeiro toque, com elevado sentido posicional. Porém, como seria de esperar, ainda não está a par das rotinas da formação encarnada nem das caraterísticas dos companheiros de equipa. 45 minutos de adaptação a uma nova realidade.

João Victor: regressado de um período de empréstimo ao Nantes, em que chegou a ser utilizado nos flancos defensivos, João Victor foi o eleito de Roger Schmidt para a lateral direita. Contudo, não obstante a abnegação e o desejo de contribuir no plano defensivo, o jogador brasileiro sentiu dificuldades para cumprir com distinção a tarefa. Com a saída de Gilberto, a ida ao mercado parece inevitável. 

Aursnes: começa a época 2023/24 como acabou a anterior. A um ritmo elevado, a percorrer todos os recantos do terreno de jogo com uma leveza impressionante. Tem plenas condições para reforçar ainda mais a sua influência na temporada 2023/24.

João Mário: elemento mais experiente do onze preparado por Roger Schmidt para a etapa complementar, João Mário acabou por ser o responsável pelos momentos de maior perigo do Benfica nesse período do encontro, denotando uma clarividência que faltou ao irrequieto Schjelderup. O internacional português serviu Tengstedt (58m) para um toque de calcanhar que levou a bola a passar ao lado da baliza do Southampton. Depois, já na reta final do encontro (83m), ofereceu o golo a Schjelderup, mas o jovem permitiu uma defesa impressionante do guarda-redes contrário.

Relacionados

Benfica

Mais Benfica

Mais Lidas

Patrocinados