Incêndio no Porto de Aveiro mobiliza cinco corporações de bombeiros

Cláudia Valente de Oliveira | Agência Lusa , AM
1 nov, 10:03
Incêndio num armazém no terminal Norte do porto de Aveiro

Fogo teve início num pavilhão com laminados de madeira

Um incêndio no Terminal Norte do Porto de Aveiro, que deflagrou esta terça-feira de madrugada, continua ativo e está a mobilizar meios de cinco corporações de bombeiros.

O incêndio teve início num pavilhão com laminados de madeira. O alerta foi dado às 4:54

Ao que a CNN Portugal apurou no local, os bombeiros ainda estão em combate por se tratar de um incêndio em madeira, o que torna o combate mais demorado.

De acordo com o presidente da administração do Porto de Aveiro, o fogo deflagrou num "armazém de tabopans, que são laminados de madeira fina", sendo que "parte da matéria foi retirada, diminuindo a carga de combustão".

"O perímetro está controlado mas trabalhos vão ainda decorrer durante algum tempo porque o tipo de matéria demora a ser extinta. Ainda não são conhecidas as causas, mas a administração do Porto vai proceder à abertura de um inquérito para averiguar causas", afirmou Eduardo Feio, acrescentando que "a área de armazenagem é afastada do cais, por isso, o Porto continua operacional".

No entanto, o incêndio já está circunscrito, não havendo perigo que o fogo se propague para outros armazéns do Porto, que está a funcionar normalmente.

No local estão meios dos bombeiros voluntários de Ílhavo, Aveiro Velhos, bem como da Novos Aveiro, de Vagos e de Albergaria.

A GNR, a Administração do Porto de Aveiro e a Capitania do Porto de Aveiro também estão a acompanhar a situação.

País

Mais País

Patrocinados