Nave espacial dos EUA aterra na Lua pela primeira vez em 50 anos

22 fev, 23:58
Intuitive Machines

A Odysseus foi lançada num foguetão SpaceX Falcon 9, de Elon Musk, no passado dia 15 de fevereiro, tendo conseguido entrar na órbita lunar esta quinta-feira, 21 de fevereiro

A Odysseus, uma nave espacial não tripulada desenvolvida pela Intuitive Machines, sediada em Houston, aterrou esta noite na superfície lunar, no âmbito da missão IM-1. É a primeira vez que uma nave dos EUA aterra na lua em mais de 50 anos.

A nave Odysseus desceu da órbita lunar para aterrar pouco depois das 23:30 desta quinta-feira (18:30 nos EUA) no pólo sul da Lua, de acordo com uma transmissão em direto da NASA.

"Eu sei que isto foi uma luta de pregos, mas estamos na superfície [lunar] e estamos a transmitir", adiantou o diretor-executivo da Intuitive Machines, Steve Altemus, citado pela CNN Internacional. "Bem-vindos à lua", exaltou.

A aterragem ocorreu após uma falha de cerca de 11 horas no sistema de navegação autónomo da nave, que obrigou os engenheiros em terra a encontrar uma solução alternativa.

Ainda não é claro qual o estado da nave espacial, tendo em conta as dificuldades no momento da aterragem. Todavia, a Intuitive Machines garante que mantém o contacto com a nave.

A Odysseus foi lançada num foguetão SpaceX Falcon 9, de Elon Musk, no passado dia 15 de fevereiro, tendo conseguido entrar na órbita lunar esta quinta-feira, 21 de fevereiro.

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados