Angelina Jolie visitou Lviv, fugiu das sirenes e não poupou nos abraços: "Muitas pessoas que a viram não acreditavam que era realmente ela"

2 mai, 11:39

Foi uma visita que surpreendeu todos, como revelou o chefe da administração militar de Lviv. A atriz e embaixadora da Boa Vontade das Nações Unidas viajou a título pessoal para a Ucrânia e encontrou-se com refugiados e voluntários para mostrar apoio e ouvir histórias

Chegou sem avisar e fez o que costuma fazer pelos locais que passa: abraçou quem encontrou, sentou-se com as crianças, tirou selfies (muitas selfies), sorriu e conversou com quem coordena a ajuda para quem mais precisa. Angelina Jolie chegou a Lviv, na Ucrânia, no sábado, para uma visita que, segundo o chefe da administração militar de Lviv, surpreende todos o que se cruzaram com a atriz e embaixadora da Boa Vontade das Nações Unidas.

"Esta visita foi uma surpresa para todos nós. Muitas pessoas que viram a Sra. Jolie na região de Lviv não podiam acreditar que era realmente ela", escreveu Maksym Kozytskyy no Facebook.

Mas era Angelina Jolie, de carne e osso, vestida à civil, que entrava na estação de comboios de Lviv, onde todos os dias chegam centenas de ucranianos, para falar com os voluntários que prestam ajuda médica e psicológica a quem precisa. Segundo os voluntários, a maioria dos que estão na estação são "crianças entre os dois e os dez anos".

"Elas devem estar em choque. Sei como o trauma afeta as crianças, sei como ter alguém a mostrar-lhes o quanto são importantes, o quanto as vozes são importantes, sei como isso é curativo para elas", afirmou Jolie, citada pela Reuters.

Kozutskyy, citado pela CNN Internacional, diz ainda que a atriz viajou a título pessoal e que o ACNUR (Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados) não teve qualquer envolvimento na visita. De acordo com o responsável, Angelina Jolie terá ainda falado "com as pessoas que conseguiram fugir das zonas onde há conflitos a decorrer" e agradeceu aos voluntários "pelo trabalho" que têm feito.

Uma visita a um café que passou despercebida ao rapaz do telemóvel

Acompanhada por um colega, Angelina Jolie entrou num café da cidade de Lviv para pedir uma bebida. De mochila às costas, a embaixadora do ACNUR conversava, quando foi abordada por uma mulher, que lhe pediu um autógrafo, a que acedeu de sorriso na cara.

Quando agarrou na revista para assinar, a atriz passou ao lado de um rapaz que estava sentado a mexer no telemóvel, com os auscultadores colocados, que permaneceu alheado do que acontecia à sua volta. No Twitter, a imagem do rapaz acabou por se tornar viral.

"Não se esqueça de olhar à volta de vez em quando. Às vezes, o que é viral está bem atrás de si", alertava um utilizador.

Sorrisos e abraços 

Durante a visita a Lviv, Jolie visitou ainda o orfanato Harmonia e um centro médico, onde as crianças não pouparam a atriz com abraços. Sentando-se ao seu nível, a atriz abraçou miúdos e graúdos, conversou e brincou com eles, mas sobretudo ouviu histórias de quem sofre e é vítima da guerra.

"Num dos centros médicos, [Angelina Jolie] visitou as crianças vítimas do ataque na estação de Kramatorsk e ficou muito comovida pelas suas histórias. Uma das meninas contou, em privado, os seus sonhos à senhora Jolie", contou Kozytskyy.

Já no orfanato, localizado em Boryslav, a cerca de 90 quilómetros de Lviv, e que foi transformado em abrigo para refugiados, a atriz garantiu às crianças que voltaria e afirmou que o "impacto que a guerra está a ter na geração de crianças ucranianas é devastador de se ver".

"Nenhuma criança devia ter de fugir das suas casas, testemunhar a morte dos seus entes-queridos ou experenciar bombardeamentos e a destruição das suas casas. No entanto, é a realidade de muitas crianças na Ucrânia e no mundo", afirmou a a atriz em comunicado, citada pela NBC News.

Angelina Jolie visita orfanato Harmonia [Foto: DR]

A visita de Angelina Jolie a Lviv ficou ainda marcada por um momento de tensão, quando a atriz teve de sair à pressa da estação ferroviária, quando soaram os alarmes de um possível ataque aéreo. Acompanhada pela equipa, Jolie caminhou rapidamente para entrar num carro que a esperava no exterior da estação. 

"Está com medo?", ouve-se alguém perguntar a Angelina Jolie enquanto a comitiva tenta chegar ao carro.

"Não, estou bem", garante, ao mesmo tempo que um rapaz tenta tirar uma selfie consigo.

Do final da viagem da atriz pouco se sabe, apenas que deverá ter deixado a Ucrânia ainda no domingo à noite.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Europa

Mais Europa

Patrocinados