Tiroteio num bar na África do Sul provoca 15 mortos e vários feridos

Agência Lusa , MJC - notícia atualizada às 12:00
10 jul, 09:20
Soweto (África do Sul)

Desconhecem-se os motivos do incidente

Um tiroteio num bar do Soweto, perto de Joanesburgo, provocou 15 mortos e nove feridos hoje de madrugada, anunciou a polícia sul-africana.

No local, as autoridades confirmaram a morte de 15 pessoas e transportaram vários feridos para o hospital, disse o tenente Elias Mawela da polícia de Gauteng, citado pela televisão sul-africana.

As autoridades afirmam que um grupo de pessoas encapuçadas entrou no bar e começou a disparar aleatoriamente. Os tiros foram disparados por várias pessoas. Em declarações no local ao canal de televisão sul-africano ENCA, uma testemunha adiantou que os alegados autores do crime fugiram depois numa carrinha.

“Posso confirmar que nas primeiras horas desta manhã, por volta das 00h30, [hora local] recebemos a informação sobre um tiroteio na taberna de Mdlalose, na secção [bairro informal] de Nomzamo. Fomos informados de que 23 pessoas ficaram feridas [e] quando chegamos ao local, 12 pessoas foram confirmadas mortas, e 11 foram levadas para o hospital”, disse o comissário da polícia de Gauteng, Elias Mawela , no local. Entretanto o número de vítimas mortais aumentou para 15.

Desconhecem-se os motivos do tiroteio, acrescentou.

O bar está localizado na zona de Orlando, no Soweto, o maior município de Joanesburgo, a sudoeste da cidade, segundo a agência francesa AFP.

Este tiroteio segue-se à morte de 21 jovens, há duas semanas, num bar da cidade de East London, na província do Cabo Oriental, durante uma celebração do fim dos exames.

A vítima mais jovem deste incidente, cujas causas estão ainda a ser investigadas, tinha 13 anos.

África

Mais África

Patrocinados