Sebastião Bugalho: "Vamos continuar a ter um ministro que vai continuar a comportar-se como primeiro-ministro, e um primeiro-ministro demasiado ministro dos Assuntos Europeus"

30 jun, 17:53

Numa análise à declaração de Pedro Nuno Santos, Sebastião Bugalho salienta que, “em condições políticas normais”, um ministro que avançasse com um despacho com o “timing desalinhado” da chefia do Governo, seria demitido ou pelo primeiro-ministro ou pelo Presidente da República.

No entender do comentador da CNN Portugal, apesar do “recuo” de Pedro Nuno Santos, o ministro das Infraestruturas deverá continuar a comportar-se como primeiro-ministro, enquanto António Costa continuará a ser “demasiado ministro dos Assuntos Europeus”.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados