“Números oficiais estão maciçamente subvalorizados: covid já terá matado 20 milhões no mundo”

14 jan, 18:24

Adam Tooze compara a velocidade da devastação da covid-19 com a aparente lentidão dos fenómenos climáticos. Em entrevista à CNN Portugal, o historiador britânico afirma que o número real de óbitos causados por covid-19 (que oficialmente se aproximavam de cinco milhões em todo o mundo no início de janeiro de 2022) estão muito desvalorizados. 

Europa

Mais Europa

Patrocinados