“Há um certo romantismo, um certo saudosismo, nesta frente de esquerda em França”, que parece “colada a cuspo”

30 jun, 22:02

Ricardo Monteiro, especialista em comunicação, analisa a viabilidade da coligação à esquerda, considerando que ela “não é viável” dado o seu principal protagonista, Jean-Luc Mélenchon. “Não é Marine Le Pen. O grande vencedor é Bardella, que normaliza, traz a juventude, parece um francês como os outros, apesar de ser filho de uma italiana”, diz. A esquerda, completa, parece “colada a cuspo”.

Europa

Mais Europa

Patrocinados