“Este resultado significa uma derrota evidente de Macron e do seu candidato”. A reação de Mélenchon aos resultados eleitorais

30 jun, 19:42

Jean-Luc Mélenchon, da Nova Frente Popular, coligação à esquerda, reage aos resultados eleitorais em França. Começa por lamentar o facto de o país ter escolhido uma “dissolução precipitada” e por criticar o presidente francês Emmanuel Macron. “Este resultado significa uma derrota evidente de Macron e do seu candidato”, argumenta. E deixa a garantia: “Gabriel Attal não será primeiro-ministro”. Para a segunda volta fica o apelo: “é preciso dar uma maioria absoluta para a Nova Frente Popular”. Contudo, admite retirar a candidatura para evitar a ascensão da União Nacional.

Europa

Mais Europa

Patrocinados