António Costa agradece "solidariedade institucional" a Marcelo e garante que deixa "trabalho de casa" feito para o PSD

25 mar, 14:34

António Costa lembra que esta é uma “tradição” que começou ainda com um Conselho de Ministros presidido por Cavaco Silva. “Trata-se, mais do que de um gesto de cortesia, de enfatizar a importância da solidariedade institucional entre Governo e órgãos de soberania, em particular, Presidência da República”.

De acordo com Costa, foi feita, no último Conselho de Ministros, uma avaliação da execução do PRR, onde foram aprovados três diplomas “indispensáveis” para o quinto pagamento, relativos à orgânica da Administração Pública e mercado de capitais.

Costa sublinha ainda que “o trabalho de casa está feito: o novo governo tem toda a liberdade para os apreciar e não partir do zero”.

Decisão 24

Mais Decisão 24

Mais Vistos

Patrocinados