“A minha família saiu e foi para Portugal”. A história do piloto de helicópteros ucraniano que apagava fogos portugueses

12 abr, 21:33

Em Irpin já se regressa a casa, a cidade de 40 mil habitantes tem muitos edifícios bombardeados e ainda não há água, luz nem gás, mas já há pessoas a regressar.

A reportagem da TVI/CNN Portugal encontrou um homem que tem a família refugiada em portugal e que está a remover o entulho que sobrou do ataque russo ao bairro onde vivia, era piloto de helicópteros Kamov e chegou a combater as chamas em território português.
 

Europa

Mais Europa

Patrocinados