"Tudo pode acontecer". Dentro de um cruzeiro de nove meses que se tornou "um reality show da vida real" nas redes sociais

CNN , Francesca Street
13 fev, 18:00
Serenade of the Sea, cruzeiro Royal Caribbean  (CNN)

Quem embarcou no Serenade of the Seas estava longe de imaginar que as férias se tornariam um foco de grande atenção nas redes sociais. Juntar pessoas de vários pontos do mundo, com estilos de vida diferentes e das mais variadas idades durante nove meses num navio de cruzeiro tornou esta viagem numa espécie de reality show para quem assiste através das redes sociais

Nove meses. Sete continentes. Centenas de passageiros muito próximos do mar. Milhares de pessoas a assistir online.

Bem-vindo a bordo do Ultimate World Cruise da Royal Caribbean, que partiu há mais de um mês e que, inesperadamente, conquistou a imaginação da Internet.

Não, o cruzeiro não é o primeiro deste género - as viagens marítimas de meses são uma constante no mundo dos cruzeiros há mais de 100 anos (embora este seja mais longo do que a média).

E não, o navio da Royal Caribbean que está a fazer a viagem, o Serenade of the Seas, não é novo (na verdade, tem mais de 20 anos).

Este navio também não é o maior navio de lazer a navegar nas águas do mundo (esse é o navio Icon of Seas da Royal Caribbean, que foi lançado este ano, e mede 1.198 pés, ou 365 metros de proa à popa, contra os comparativamente pequenos 964 pés do Serenade of the Seas).

Mas o Ultimate World Cruise é uma das primeiras viagens mundiais com duração de meses a partir nos últimos tempos - estas viagens têm estado fora de questão desde que a covid revolucionou o setor em 2020.

De facto, a viagem de 2023-2024 do Serenade of the Seas foi originalmente apresentada pelo presidente da Royal Caribbean International, Michael Bayley, como uma forma de os cruzeiristas famintos de viagens "recuperarem o tempo perdido" na sequência da pandemia.

@little_rat_brain I’m just surprised everything fit into their spaces so well tbh #ultimateworldcruise #uwc #worldcruise #worldcruise2023 #royalcaribbeanworldcruise#royalcaribbeaninternationalcruise #seranadeoftheseas #royalcaribbean #royalcaribbeancruise #cruisetok #cruisecabin #cabindecor #cruisedecor #cruiseshipcabin #roomtour #roomtouraesthetic ♬ original sound - Little Rat Brain

Este facto - além de uma alquimia de timing impossível de determinar (o cruzeiro embarcou durante o período de férias, quando muitos utilizadores das redes sociais tinham mais tempo disponível para investir) e de um acaso (há alguns influenciadores do TikTok a bordo que criaram conteúdos atrativos desde o início) - levou o navio de cruzeiro a tornar-se naquilo a que a utilizadora das redes sociais Beth Anne Fletcher chama o "reality show não editado que nunca foi suposto ser um reality show".

O conteúdo do TikTok relacionado com o cruzeiro de nove meses obteve cerca de 253 milhões de visualizações e continua a aumentar no TikTok. Os passageiros - tanto profissionais como novatos no TikTok - estão a tornar-se pequenas celebridades das redes sociais, ao fazerem visitas guiadas aos quartos - desde os invejáveis quartos com varanda aos menos invejáveis camarotes interiores sem janelas; ao narrarem a viagem do navio através da traiçoeira Passagem de Drake; ao darem pormenores sobre as opções de comida e bebida a bordo e ao partilharem as histórias pessoais, muitas vezes comoventes, que os levaram a embarcar na viagem.

"São apenas pessoas normais que vão nesta enorme aventura", diz Fletcher, utilizadora do TikTok, à CNN Travel. "As pessoas estão empenhadas em assistir às suas viagens".

A vista a partir de terra

Fletcher não está a bordo do Serenade of the Seas. Na verdade, nunca esteve a bordo de um navio de cruzeiro. Mas em dezembro, numa questão de dias, Fletcher passou de não saber quase nada sobre cruzeiros para publicar regularmente sobre o Ultimate World Cruise para os seus 59.700 seguidores no TikTok.

Tudo começou quando Fletcher, uma fotógrafa de 39 anos do Reino Unido, se deparou com um vídeo do TikTok de um passageiro de um cruzeiro mundial.

A viajante Brooklyn Schwetje publicou que estava a embarcar no navio durante nove meses, juntamente com a sua irmã e os seus pais.

"Pensei: 'Meu Deus, isto vai ser uma loucura'", diz Fletcher. 

Algures entre intrigada e horrorizada, Fletcher deu por si a ver todos os vídeos de Brooklyn. Depois, passou para os TikToks da irmã de Brooklyn, Madison. Rapidamente, tinha consumido tudo o que podia encontrar sobre o cruzeiro de nove meses no TikTok. Também pesquisou o navio no Google, aprendeu mais sobre o itinerário (274 dias, mais de 60 países, mais de 150 paragens) e os custos astronómicos (o preço da excursão completa varia entre 59,999 e 117,599 dólares por pessoa, mais impostos e taxas - cerca de 55.690 euros e 110.450 euros).

"Na manhã seguinte, por ter visto todos aqueles vídeos, a minha FYP (For You Page, o ecrã inicial baseado em algoritmos onde o TikTok recomenda conteúdos) estava inundada de coisas sobre cruzeiros", diz Fletcher, que gere a conta @livingmy_bethlife.

“Pensei: ‘Talvez possa saber mais sobre as pessoas que lá estão e porque é que escolheram fazer isto?’ Porque, embora nunca tenha estado num cruzeiro, estou interessada no tipo de pessoas que querem fazer um cruzeiro de nove meses".

Enquanto Fletcher se empenhava em tornar-se uma especialista em cruzeiros, outros utilizadores do TikTok também tomavam nota - entre eles, o TikToker americano ND.

@nchimad I’m staying on cruisetok for the next nine months😂 I want to see everything!! #royalcaribbeancruise #9monthcruise #whewchile #oceano #fyp #foryourpage ♬ original sound - ✨SeaTea Director, ND✨

ND estava mais familiarizada com o mundo dos cruzeiros do que Fletcher. Mas as experiências de cruzeiro de ND só a deixaram ainda mais perplexa com a ideia de nove meses no mar.

"Já estive num cruzeiro Carnival Cruise e num cruzeiro Royal Caribbean", diz ND, que pediu à CNN Travel que o seu nome completo não fosse incluído neste artigo por razões de privacidade.

ND insiste que gostou destas viagens - até já tem outro cruzeiro marcado para o final do ano - mas não consegue pensar nos nove meses de tudo isto.

"Quando ouvi dizer que as pessoas estavam neste navio durante nove meses, imaginei-me de volta aos cruzeiros de sete dias que fazia e disse: 'É impossível fazer isto durante nove meses'", afirma ND.

Tanto ND como Fletcher são fãs de reality shows. Não podiam deixar de ver a viagem - e as pessoas a bordo - através dessa lente.

"Conseguem imaginar o tipo de drama que vai acontecer naquele barco?", disse ND no seu primeiro TikTok sobre o assunto, acrescentando que estava empenhada em seguir qualquer pessoa a bordo que publicasse atualizações na rede social.

"Se algo de importante acontecer, quero ouvir pessoas diferentes, ângulos diferentes, perspectivas", disse para a câmara.

"Todos nós vimos o programa 'Below Deck'", diz ND à CNN Travel. "Estando num navio durante nove meses, é natural que aconteçam coisas. Mas o que é que acontece exatamente, não sabemos. Por isso, acho que a razão pela qual estamos tão fascinados é porque parece uma experiência social de pessoas que estão no meio do oceano durante nove meses, a viajar juntas".

No TikTok, ND apelida-se agora de "diretora das fofocas do mar", ao publicar na conta @nchimad. Nas últimas semanas, publicou 61 vídeos relacionados com o cruzeiro mundial para os seus 189.300 seguidores e está empenhada em fazer a crónica do cruzeiro durante toda a sua viagem. Mais de mês depois, ND diz que o interesse não parece estar a diminuir.

"Estou a publicar o conteúdo e a partilhar porque adoro viajar - e acho que esta é uma oportunidade fantástica que muitas pessoas não têm", afirma ND.

"Por isso, quer haja drama ou não, vou continuar a publicar, porque as coisas vão sempre acontecer. Só não sabemos quando - só temos de nos sentar e observar".

A vista a partir do mar

Todos os bons reality shows têm um elenco atraente de personagens - diferentes idades, de diferentes estilos de vida, com diferentes pontos de vista.

Fletcher ficou surpreendida, ao início, porque o cruzeiro mundial parecia oferecer exatamente isso. Ao contrário do que supunha, as pessoas a bordo do Ultimate World Cruise não eram todos reformados - havia muitos jovens TikTokers de cerca de 20 anos, como Brooklyn e Madison Schwetje.

"As pessoas têm preconceitos em relação aos cruzeiros, eu sei certamente que eu tive - ao pensar que a maioria das pessoas que fazem cruzeiros são pessoas mais velhas, talvez reformados ou casais mais velhos, pessoas financeiramente estáveis", diz Fletcher. "Na verdade, o que este cruzeiro nos está a mostrar é que se trata de uma verdadeira mistura de pessoas de todo o mundo".

Foram os passageiros mais jovens e com mais experiência nas redes sociais que deram início à festa do TikTok. Por exemplo, a passageira sul-africana Amike Oosthuizen, de 26 anos, que está a viajar com o marido e os pais e que publica na conta @amike_oosthuizen.

Oosthuizen diz, à CNN Travel, que a sua experiência anterior a criar conteúdos a deixou consciente de que esta viagem única na vida seria propícia a oportunidades no TikTok. Imaginou que o conteúdo do cruzeiro levaria a "mais tração para as contas nas redes sociais".

"Mas sinceramente não pensei que fosse explodir tanto", diz. "Foi um choque, mas também tem sido fantástico".

@amikeoosthuizen Update: DRAKE PASSAGE morning 🛳️🥶🌊 #cruise #travel #worldcruise #worldcruise2023 #SAMA28 #royalcaribbean #viral #cruisetok #foryoupage #fyp #antartica #ultimateworldcruise #drakepassage ♬ original sound - amikeoosthuizen

A publicação mais popular do TikTok de Oosthuizen (que conta com mais 6,3 milhões de visualizações) retrata a viagem do Serenade of the Seas pelo perigoso canal da Passagem de Drake.

No vídeo, Oosthuize filma-se a tentar fazer exercício no ginásio no meio das condições agitadas da Passagem de Drake, a ligar-se ao computador portátil para trabalhar à distância, a ir à lavandaria e depois a maquilhar-se.

Oosthuizen também documentou o que come e bebe durante um dia típico no mar (que já tem mais de 4,5 milhões de visualizações) e a sua primeira impressão do quarto (com mais de 2,9 milhões de visualizações).

Oosthuizen diz que a atenção tem sido "louca". E se um influencer profissional - com uma mãe famosa (a mãe de Oosthuizen, Renske Lammerding, protagonizou o reality show "The Real Housewives of Pretoria") - acha tudo isto surreal, imagine-se o que é para os passageiros a bordo que se tornaram acidentalmente sensações do TikTok.

Conheça o “pai do cruzeiro”

Joe Martucci, de 67 anos, esperava que o Ultimate World Cruise mudasse a sua vida - só não previa que fosse mudar a sua vida exatamente desta forma.

Martucci e a sua mulher Audrey reservaram o cruzeiro para celebrar a reforma de Martucci. O primeiro vídeo de Martucci na rede social foi também o seu primeiro TikTok. O vídeo de 20 segundos mostra simplesmente o recém-reformado de pé no convés do navio, com uma camisa estampada com palmeiras, que se dirige diretamente aos filhos e que brinca, dizendo que vai gastar a herança deles na viagem.

"Era uma piada para os miúdos: 'Estamos a gastar todo o vosso dinheiro'", diz Martucci à CNN Travel. "Enviei-lha. Eles disseram: 'Pai, gostávamos de partilhar isto com os nossos amigos. Podes pôr no TikTok?'".

Martucci demorou algum tempo a satisfazer este pedido ("Durante muito tempo, escrevi mal TikTok", diz), mas acabou por colocar o vídeo na plataforma, através da conta @spendingourkidsmoney. O vídeo não editado e sem música (uma anomalia na esfera do TikTok) tem mais de 1,5 milhões de visualizações.

"A minha mulher e eu não pensávamos que alguma vez nos tornaríamos virais da forma como nos tornámos", diz Martucci, que foi apelidado de "Cruise Dad" pelos utilizadores do TikTok.

@deletedacc813827392929 #royalcaribbean #cruising #explore #WorldCruise #UltimateWorldCruise #UWC #Serenadeoftheseas #cruise #travel ♬ original sound - .

Agora, Martucci publica regularmente atualizações sobre o cruzeiro no TikTok, abrindo sempre os vídeos com "Hey kids" ("Olá, filhos", na tradução). Isto tornou-se a "marca registada" de Martucci, como diz, mas só começou porque no seu vídeo original estava a atualizar os seus filhos reais sobre a experiência. Agora, Martucci sente-se como se fosse o "pai da Internet" - e é um papel que está a abraçar.

"Alguns dos comentários são muito sinceros: 'Eu não tinha família, tu trouxeste-me para a tua família. Estás a partilhar os vossos vídeos comigo. Isso preenche uma lacuna na minha vida, o meu pai morreu há um par de anos e fazes-me lembrar dele, obrigado por fazeres isto", diz Martucci.

Beth Anne Fletcher, que está a acompanhar a viagem a partir de terra, diz que Martucci "criou uma marca muito inteligente, mesmo sem querer".  O seu conteúdo é "mais cativante" do que alguns dos vídeos mais trabalhados do navio, acrescenta.

Entretanto, ND diz que as "mães, os pais e as tias do navio" são alguns dos seus passageiros preferidos para seguir e ficar a par do que se passa no mar.

"São eles que estão a contar as fofocas todas", diz ND.

Reality show da vida real

Até agora, não tem havido muito drama no navio. Houve uma inundação a bordo (era "uma poça de água", ri-se o passageiro Anthony McWilliams) e rumores de que o navio ficou sem vinho ("Creio que era apenas vinho tinto", diz a passageira Jenny Hunnicutt), mas até agora a viagem tem sido relativamente tranquila.

Para os passageiros, o alarido incessante online por separações, encontros, rixas, doenças e mistérios a bordo (para citar apenas algumas das sugestões do cartão de bingo TikTok Ultimate World Cruise) é muitas vezes frustrante.

Angie Linderman, uma passageira americana de 38 anos, cujo perfil é @angielinderman, diz à CNN Travel que, como fã de reality shows, compreende o desejo - até certo ponto.

"Adoro reality shows e vejo-os pelo drama, por isso acho que essa parte é normal", diz. "O que me custa é a forma como as pessoas se referem a nós como um elenco de personagens, porque não é isso que se sente aqui. Somos apenas indivíduos que acabaram na mesma viagem neste navio e agora estão numa viagem diferente juntos no TikTok".

A passageira Jenny Hunnicutt (que publica no TikTok como @DrJennyTravels e que criou um nicho para responder a questões médicas relacionadas com cruzeiros, tais como o que acontece se engravidar a meio de um cruzeiro de nove meses) diz que também está consciente do impacto da fama do navio na Internet sobre aqueles a bordo que não estão interessados em tornar-se virais.

"Tento não colocar ninguém nas minhas fotografias ou no pano de fundo", diz Hunnicutt à CNN Travel. "Mas é certamente difícil quando se está num cruzeiro que recebeu tanta atenção mundial, a fazer história".

A companheira de viagem Brandee Lake, que atualiza os seus seguidores em @iambrandeelake, também está convencida de que os passageiros não são "personagens".

"Somos todos pessoas que vieram de férias e isto aconteceu", diz.

Lake está a bordo com a irmã (que publica atualizações em @swankalamode) e os pais. Apesar de alguns espectadores do TikTok desesperarem com a ideia de viverem num ambiente fechado com a irmã em idade adulta, Lake diz que as duas irmãs, que estão na casa dos quarenta, viajam bem juntas. Aqueles que estão à espera de um drama ficarão desiludidos, diz Lake.

Lake e a irmã também têm um podcast - que começaram antes de embarcarem no navio. E, embora ocasionalmente a mãe e o pai apareçam nos seus vídeos, Lake diz que as irmãs proibiram os pais, que são "boomers", de se juntarem ao TikTok. "É uma regra", diz.

No início da viagem, Lake fez manchetes quando publicou sobre o facto de ter sido confundida com um membro da tripulação por outros passageiros e pela própria tripulação.

"Aparentemente, pareceu improvável para alguns que uma mulher negra (e a sua família) pudesse ser convidada para uma experiência única na vida", escreveu Lake no TikTok.

Lake diz que não quer falar mais sobre este incidente. Ainda assim, elogia a equipa da Royal Caribbean a bordo do Serenade of the Seas. "Eles são fantásticos. E ótimos e amáveis", diz.

Alguns membros da tripulação do Serenade of the Seas também estão a relatar as suas experiências a bordo do navio. O cantor Julian Mendoza, também conhecido como @cooljul1, publica vídeos de "Um Dia na Vida" a bordo.

Entretanto, Daniele Salvatore Arbisi - @singing.sailor - conseguiu um comentário exclusivo do capitão norueguês do Serenade of the Sea, Stig Nilsen, que deu dicas para a observação de baleias a bordo.

Para os fãs do TikTok que acompanham o cruzeiro em terra, um vislumbre de Nilsen é sempre emocionante - mas (até agora) o veterano marítimo ainda não criou a sua própria conta no TikTok.  E, até agora, a companhia Royal Caribbean Cruise tem-se mantido bastante discreta sobre a viralidade acidental do seu cruzeiro mundial.

A companhia de cruzeiros recusou-se a comentar este artigo, explicando que a equipa estava concentrada no lançamento do Icon of the Seas. Os TikTokers entrevistados afirmaram ter tido um contacto mínimo ou nulo com a equipa de relações públicas da companhia de cruzeiros - embora alguns tenham recebido uma oferta de jantar gratuita.

Novas personagens "desbloqueadas"

É possível participar no Ultimate World Cruise em vários pontos da viagem - não é necessário inscrever-se para os nove meses completos.

Ao saberem disto, alguns TikTokers que seguiam em terra começaram a fazer campanha para que os patrocinadores pagassem o bilhete, prometendo, como no caso do influenciador americano do TikTok Marc Sebastian, "causar o caos" a bordo.

O desejo de Sebastian foi concedido pela editora Atria Books, uma divisão da Simon & Schuster, e embarcou no Serenade of the Seas há algumas semanas. Há também rumores de que um casal de influencers australianos vai embarcar no navio quando ele atracar na Austrália.

Para os passageiros que se inscreveram na viagem antes de esta se ter tornado viral, é "um pouco enervante saber que as pessoas ainda podem juntar-se a este cruzeiro para potencialmente criar drama a bordo", como diz o passageiro Hunnicutt.

As suas palavras são repetidas pelo passageiro Anthony McWilliams, que publica no TikTok como @anthonyantoine1021. Quando McWilliams soube que Marc Sebastian estava a embarcar no navio, "não sabia o que esperar" e estava "um pouco cauteloso".

"Mas ele é um rapaz tão agradável. Nem sei se ele vai querer que eu diga isto. Mas ele é realmente um rapaz doce", diz McWilliams.

Sebastian juntou-se ao cruzeiro a tempo da recente passagem do navio pela Antártida.

"Vê-lo em frente aos icebergs a emocionar-se. Eu pensei: 'Sim, é por isso que ele está a bordo'", diz McWilliams. "Faz sentido que ele tenha conseguido. Ele entende".

Até agora, embora as suas publicações sobre o cruzeiro mundial tenham acumulado milhões de visualizações, Sebastian ainda não descobriu os "boatos quentes" que prometeu. Parece que - pelo menos neste momento - o Ultimate World Cruise tem mais em comum com reality shows saudáveis como "The Great British Baking Show" do que com as travessuras náuticas de "Below Deck".

Inspirar os outros

Os passageiros a bordo do Serenade of the Seas dizem que criaram laços, unidos por um amor partilhado pelas viagens e por uma aventura única na vida.

"Somos apenas pessoas normais de férias. E gostamos genuinamente uns dos outros", diz Lake. "Por muito que toda a gente queira drama, nós não o queremos, porque é a nossa vida normal".

Para o viajante a solo McWilliams, a ligação com os outros a bordo tem sido um dos pontos altos da experiência. Dá-se bem com os outros TikTokers, mas também gosta de passar tempo com os outros passageiros que não estão nas redes sociais.

Ganhei um enorme respeito pelo que significa dizer "uma viagem de uma vida" para alguém que tem 75 anos comparado comigo que tenho 54 anos - é uma perspetiva diferente", diz McWilliams. "Não estava à espera de tudo isto nem tinha planeado - Eu estava até preocupado com a forma como iria interagir com um grupo demográfico diferente. E isso tem sido uma bênção para mim".

McWilliams tem estado à espera da viagem há alguns anos e diz que está a viver um sonho tornado realidade.

"Ainda me belisco a mim próprio porque isto está mesmo mesmo a acontecer", diz, descrevendo a visão da Antártida como um momento em que se sentiu "prestes a desmaiar de excitação".

McWilliams comprometeu-se a viajar pelo mundo quando o marido morreu inesperadamente de cancro há seis anos.

"O seu desejo para mim foi: 'Apoia-te na tua família e amigos e viaja pelo mundo - essa será a tua salvação, isso vai salvar-te'", diz McWilliams. "Eu dei ouvidos e comecei a viajar imediatamente. E é isso que, creio eu, me tem mantido aqui".

@anthonyantoine1021 My 7th continent: I’m in AWE! #iceburgs #boydstrait #ultimateworldcruise #royalcaribbeanultimateworldcruise #anthonyantoine ♬ original sound - Anthony Antoine

A história comovente de McWilliams e o seu entusiasmo sincero pelo Ultimate World Cruise tornaram-no acarinhado pelos utilizadores das redes sociais. A viagem faz parte do seu "processo de cura, processo de luto", diz McWilliams - e se puder ajudar outras pessoas nas suas próprias jornadas de perda através da partilha das suas viagens com um grande público, terá todo o prazer em fazê-lo.

A passageira Angie Linderman, de 38 anos, também teve um percurso emocional para embarcar no cruzeiro mundial. Os seus pais morreram ambos na casa dos 60 anos, também de cancro. Depois, Linderman soube que era portadora do gene BRCA, o que aumentava o risco de cancro da mama e dos ovários.

"Eu sei que a ideia da reforma e de envelhecer não é uma garantia para nenhum de nós", diz Linderman, que fez uma dupla mastectomia preventiva em 2023.

Linderman tinha apenas cerca de 100 seguidores no TikTok quando embarcou no navio. Agora, tem mais de 178.000. A sessão de perguntas e respostas no TikTok sobre a perda dos pais e o motivo que a levou a reservar a viagem tem mais de 1,6 milhões de visualizações.

@angielinderman Ultimate World Cruise Q&A or really FAQ since i dont know how to do a Q&A on here. Help! I tried to andwer as many as I could that I know a lot of people have, but let me kniw what else you want to know about what its like on @Royal Caribbean’s Ultiamte World Cruise. #RoyalCaribbean #crusing #explore #solotravler #worldCruise #UltimateWorldCruise #UWC #SerenadeOfTheSeas #cruise #travel #solofemaletraveler #cruiseship #cruisetok ♬ original sound - Angie

"Tive muita sorte e recebi respostas amorosas de pessoas que se identificaram com a minha história e me contactaram para falar sobre ela", conta Linderman à CNN Travel. "Adoro isso. Sei que, quando tomei conhecimento do meu gene BRCA, procurei na Internet outras mulheres da minha idade que estivessem a passar pelo mesmo para ver como seria a vida depois da cirurgia e espero poder ser útil, nem que seja apenas para uma outra mulher que esteja a seguir este caminho difícil".

Para todos os TikTokers a bordo do Serenade of the Seas, a sua viralidade acidental pode ser inesperada, surreal e divertida - mas o seu foco continua a ser a "vida real", a incrível experiência que estão a desfrutar no navio e nos destinos. Os próximos destaques incluem Machu Picchu, a Grande Barreira de Coral, a Grande Muralha da China e o Taj Mahal.

"Todas as pessoas a bordo investiram muito tempo e dinheiro nesta experiência e estão a evitar que influências externas tenham um impacto negativo na sua experiência ou na dos outros passageiros", afirma Linderman.

E embora a sede pelo caos do cruzeiro na Internet não vá a lado nenhum ("Só passou mais de um mês e temos outros oito meses pela frente, por isso tudo pode acontecer", salienta ND), para muitos TikTokers que seguem o cruzeiro, a positividade a bordo é tão apelativa como o potencial para o drama.

O imediatismo do TikTok permite que os utilizadores das redes sociais vivam indiretamente através das pessoas a bordo. Ao seguirem várias contas, ficam com um sabor da vida no mar a partir de diferentes ângulos.

"Acho que muitas pessoas têm a oportunidade de viajar pela primeira vez para sítios onde talvez nunca tenham ido ou nunca tenham pensado ir, mas que podem estar interessadas", afirma Lake.

"Eu diria que queremos ser um incentivo para encorajar outras pessoas a viajar e a ver o mundo".

Viagens

Mais Viagens

Na SELFIE

Mais Lidas

Patrocinados