Pepa: «São dois pontos perdidos»

18 jan, 00:03
«É impressionante. Ganhava mil contos nos juniores e chegava ao fim do mês sem dinheiro. Quando acabei a carreira não ficou nada na conta. Ficou lá o bonequinho do Multibanco a dizer adeus», Pepa, 23 de janeiro.

Treinador admitiu frustração pelo empate em Portimão, mas elogiou a atitude da equipa

Pepa, treinador do Vitória, em declarações na sala de imprensa do estádio Municipal de Portimão, após o empate (1-1) frente ao Portimonense, em jogo da 18.ª jornada da Liga:

«É uma frustração tremenda não termos vencido o jogo. Para nós, são dois pontos perdidos.

Notou-se alguma ansiedade na equipa, com receio de errar. Foi um jogo de grande intensidade, fomos uma equipa muito coesa, com muita alma, e este é o caminho que devemos ter.

Tivemos algumas decisões erradas, mas tenho de realçar a entreajuda que tivemos. Esse é o caminho para regressarmos às vitórias rapidamente.

Se analisarmos o jogo, os primeiros 15 minutos acertámos bem e obrigámos o Portimonense a jogar com bolas mais longas, o que fez com que não tivesse tido oportunidades de golo.

Na segunda parte, não houve oportunidades, mas aconteceram coisas que já nos têm acontecido. Nos últimos minutos, o Portimonense, depois do golo, condicionou a nossa ação.»

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados