Vítor Campelos: «Resultado injusto pelas oportunidades que tivemos»

Bruno José Ferreira , Estádio Municipal de Braga
16 mar, 20:35
Vítor Campelos no Gil Vicente-Estrela da Amadora (RUI MANUEL FARINHA/Lusa)

Sp. Braga-Gil Vicente, 2-1 (reportagem)

Declarações de Vítor Campelos, treinador do Gil Vicente, na sala de imprensa do Estádio Municipal de Braga, após a derrota (2-1) frente ao Sp. Braga:

«Uma palavra para os nossos adeptos, que estiveram cá em bom número. Assistimos a um bom jogo, duas equipas sempre com os olhos na baliza adversária. Sofremos um golo que poderíamos ter evitado, mas estivemos sempre dentro do jogo. Na segunda parte começámos logo com o Alipour isolado, depois tivemos o penálti. Podíamos ter feito o segundo, que acabámos por sofrer num detalhe. Quem esteve cá viu um bom jogo, mas com sinceridade foi um resultado extremamente injusto pelas oportunidades que tivemos».

[Segunda parte melhor] «Sobretudo mais confiança para jogarmos, para assumir o jogo. temos uma equipa bastante jovem, com exceção do Rúben, um jovem de 37 anos que é totalista até agora. Precisamos de jogar em grandes jogos, para nos libertar. Creio que fizemos uma ótima segunda parte, tivemos várias situações. A diferença foi a confiança, os jogadores jogar para a frente com vontade de ganhar e confiança neles».

[Alipour desperdiçou vários lances] «Fica ligado ao jogo, marcou o golo. Teve as oportunidades porque estava no sítio certo, trabalhou para isso, é preciso ter uma pontinha de sorte. Claro que queríamos que tivesse tido uma eficácia diferente, mas estou satisfeito com a entrega dele».

 

Patrocinados