Artur Moraes: «Desvalorizar os jogadores do Benfica tem de parar»

Sérgio Pereira , no Estádio da Luz, em Lisboa
10 mar 2018, 21:28
Artur Moraes e Tissone

Guarda-redes do Desp. Aves diz que tem de haver respeito pelas conquistas encarnadas, por isso desafia a classe a apoiar os atletas do Benfica e os troféus que venceram

Artur Moraes, guarda-redes do Desp. Aves que jogou quatro anos no Benfica e foi uma vez campeão, em declarações no final da derrota (0-2) no Estádio da Luz, num jogo em que ficou no banco:

«Este regresso deu para matar um bocadinho as saudades. Podia ser melhor se tivesse tido oportunidade de jogar, mas a equipa apresentou-se bem, fez um grande jogo e conseguiu demonstrar o seu valor. Voltar à Luz é sempre muito especial para mim, vivi aqui momentos muito felizes e deixei muitos amigos.

Passei pelo balneário do Benfica, estive lá na falar com os meus amigos. É sempre bom reencontrar as pessoas com quem vivi momentos tão importantes. Deixa-me feliz.

Por que regressei a Portugal? Para estar num país onde a minha família é feliz. O meu filho pediu-me para voltar, ele nasceu aqui. Nesta reta final da minha carreira quero estar próximo dos adeptos com os quais vivi o momento mais importante da minha.

Voltei para Portugal para acabar a carreira a qui. Estou bem, estou feliz e aqui consigo estar no meu melhor. Mas antes quero mostrar o meu valor no Desportivo das Aves.

Quais são os meus planos? Tenho mais um ano de contrato com o Desp. Aves e toda a gente sempre almeja mais. Em primeiro lugar quero mostrar o meu valor nas Aves, mostrar por que voltei e depois pensar em voos maiores. Mas nesta altura a minha preocupação é mostrar o meu valor e conquistar as pessoas.

Como tenho visto as últimas polémicas no futebol português? Acho que existe uma campanha muito forte para desvalorizar as vitórias do Benfica. Infelizmente estão à procura disso a qualquer preço. Em vez de valorizar uma conquista, tentam desvalorizar. Mas dentro de campo são sempre onze contra onze.

Eu estive aqui quatro anos, conquistei coisas como também perdi coisas. Conquistei coisas porque tive mérito e perdi outras porque os adversários tiveram mérito. Estão a tentar desvalorizar os jogadores e devia haver um respeito pela classe.

Isto de desvalorizar os jogadores do Benfica tem de parar. Tem de se aceitar as derrotas e comemorar as vitórias, porque quando se vence há merito, mas quando se perde alguém também teve mérito. O Benfica fez um grande trabalho, eu vi isso durante quatro anos, e custa-me esta campanha que é feita para desmerecer as vitórias a qualquer custo.»

Benfica

Mais Benfica

Patrocinados