Daniel Ramos: «O que mais me desagradou foi a falta de continuidade»

8 out 2023, 22:58
Arouca-Casa Pia

Treinador do Arouca lamenta que a equipa não tenha dado seguimento ao que fez até chegar ao 1-1

Declarações do treinador do Arouca, Daniel Ramos, à SportTV, após a derrota por 2-1 ante o Sporting, em Alvalade, em jogo da 8.ª jornada da I Liga:

«Na primeira parte faltou-nos ter bola, demos demasiada bola ao Sporting e acabámos por não ter a acutilância que queríamos, não conseguimos sair, muitas vezes por mérito do Sporting, noutras faltou-nos tranquilidade para ter mais bola, para fazer o nosso jogo.»

«Com a expulsão e a perdermos 1-0, percebemos que tínhamos de arriscar. Estava à espera do intervalo para modificar algo e a expulsão acabou por nos dar outro tipo de alento. Ao intervalo, permitiu-nos redefinir estratégia, precisávamos de chegar ao golo. Acho que fizemos o que tinha de ser feito, arriscar, dar mais largura. O Sporting fechou em 5x3x1 e compactou o meio e chegámos ao 1-1.»

«O que mais me desagradou foi a falta de continuidade. A reação do Sporting é natural, queria vencer, mas tínhamos de continuar a ser agressivos, determinados e ir à procura do segundo golo. Faltou-nos um bocadinho mais dessa ambição, determinação e fazer aqui história. Faltou-nos aquele extra que a equipa não teve. Deixou o Sporting crescer, estávamos por cima quando marcámos. Depois, sofremos e foi ir à procura do empate. Tentámos empatar, podíamos ter sofrido, podíamos ter marcado, mas faltou-nos depois o que, para mim, era fundamental: depois o 1-1, discernimento necessário para encontrar os espaços que tinha encontrado até então.»

«É o que é, o calendário é este. Queríamos regressar às vitórias, cada jogo é uma oportunidade. Tivemos a possibilidade de sair daqui com pontos, acabámos por não conseguir, por mérito do adversário, mas algum demérito nosso.»

Relacionados

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados