Selecionador da Tanzânia demitido em plena CAN após castigo de oito jogos

19 jan, 23:59
Adel Amrouche, selecionador da Tanzânia, no jogo ante Marrocos, da 1.ª jornada da CAN (SIA KAMBOU/AFP via Getty Images)

Adel Amrouche dispensado pela federação do seu país, na sequência da decisão disciplinar da Confederação Africana. Em causa declarações do técnico a visar Marrocos, que avançou com a queixa que ditou a suspensão

O selecionador da Tanzânia, o argelino Adel Amrouche, foi suspenso pela Federação de Futebol da Tanzânia (TFF) em plena Taça das Nações Africanas (CAN), na sequência da suspensão de oito jogos aplicada pela Confederação Africana de Futebol (CAF), por declarações do técnico sobre a alegada influência de Marrocos no futebol africano.

O castigo aplicado pela CAF surgiu 48 horas depois do jogo da primeira jornada do grupo F entre Tanzânia e Marrocos, ganho pelos marroquinos por 3-0, na quarta-feira, mas a origem da história vem do lançamento do encontro.

Antes do jogo com Marrocos, Amrouche afirmou que a Real Federação Marroquina de Futebol (RMFF) «é uma potência comprovada no mundo do futebol africano» e lembrou que, durante o jogo feito com Marrocos em novembro de 2023, que os marroquinos obrigaram a Tanzânia «a jogar à noite», quando a sua seleção queria «jogar ao início da tarde». «Atualmente, Marrocos administra o futebol africano», apontou.

As palavras do argelino motivaram uma queixa de oficiais da RMFF à CAF e, para piorar as coisas para Amrouche, o presidente da federação tanzaniana afastou-se desde logo das palavras do seu técnico. «Nós, como federação, não concordamos com estes comentários», disse o presidente Wallace Karia, num vídeo publicado pela Azam TV, na terça-feira.

Mais tarde, em comunicado, esta sexta-feira, a TFF confirmou que Amrouche foi suspenso por oito jogos pela CAF. Constatou ainda que a «RMFF queixou-se do treinador pelas suas declarações de que Marrocos tem influência na CAF, na organização de jogos com árbitros» e que, «noutra medida, o Comité Executivo da Federação de Futebol da Tanzânia suspendeu o treinador Adel Amrouche». Por fim, informa que Hemed Morocco «foi nomeado treinador em exercício e vai ser assistido por Juma Muganda» no que se segue na CAN.

A Tanzânia defronta a Zâmbia no domingo e a República Democrática do Congo na quarta-feira, nos dois jogos em falta na fase de grupos.

Relacionados

Patrocinados