Ten Hag e a contestação dos adeptos do Man United: «Sou um lutador»

1 nov 2023, 23:59
Erik ten Hag (AP Photo/Dave Thompson)

Treinador neerlandês confiante de que pode dar a volta ao mau momento em Old Trafford

Depois do desaire no dérbi, o Manchester United foi eliminado com estrondo na Taça da Liga inglesa, na receção ao Newcastle, averbando a oitava derrota da temporada em 15 jogos. A pressão cresce em torno do treinador Erik ten Hag, mas o neerlandês garante que está disposto a ir à luta para dar a volta aos resultados.

«Sou um lutador», afirmou na conferência de imprensa após a derrota por 3-0 com o Newcastle.

«Sei que nem sempre é a subir e tivemos muitos contratempos nesta temporada até agora, mas também tenho de lidar com isso e nunca é desculpa», frisou.

«Eu já disse que quando há contratempos, as rotinas e a forma de jogar não são parecidas, não são iguais, mas mesmo assim é preciso conseguir os resultados. Obviamente, domingo e esta noite estivemos longe disso. Temos de fazer as coisas certas, num certo nível, um nível mínimo para vencer jogos», disse ainda.

Ten Hag confessou que entende que a contestação em Old Trafford tenha aumentado, mas mostrou-se «confiante» no futuro.

«Já fiz isso em todos os meus clubes e também no ano passado aqui. Neste momento, estamos numa situação má. Assumo a responsabilidade por isso. Vejo isso como um desafio, sou um lutador, estou na luta e tenho de ter a certeza de que divido a responsabilidade com os jogadores, que nos mantemos juntos, lutamos juntos», sublinhou.

«Todos viram que isto está abaixo dos padrões que esperam do Manchester United. Não é suficientemente bom, de longe. Temos de consertar as coisas e eu assumo a responsabilidade por isso. É a minha equipa e eles não estão a ter um bom desempenho. Tenho de partilhar isso com os meus jogadores, mas sou o responsável», concluiu.

Relacionados

Patrocinados