Itália
94'
2 - 1
Albânia

Champions asiática: Ronaldo marca, estreia festejo e mete Al Nassr perto dos «quartos»

14 fev, 20:02
Al Fayha-Al Nassr

Equipa de Luís Castro vence no campo do Al Fayha com um golo solitário do internacional português

O Al Nassr foi ao campo do Al Fayha vencer por 1-0 com um golo solitário do incontornável Cristiano Ronaldo que coloca a equipa de Luís Castro em vantagem na corrida aos quartos de final da Liga dos Campeões asiática. A equipa da casa fechou-se muito bem em termos defensivos, mas os visitantes tanto insistiram que acabaram por conseguir o precioso golo nos últimos instantes da partida.

Veja aqui o FILME DO JOGO

Um duelo desproporcional entre o segundo e o 14.º classificados da liga saudita (separados por 27 pontos) que já tinham medido forças a nível interno, com a equipa de Luís Castro a vencer por 3-1, com dois golos de Talisca. Para o jogo desta quarta-feira, o treinador português, por respeito ao limite de cinco estrangeiros, deixou Sadio Mané a descansar para apostar em Laporte, Otávio, Brozovic, Talisca e Cristiano Ronaldo.

O Al Nassr assumiu, desde logo, as despesas do jogo, com Talisca, sobre a direita, e Cristiano Ronaldo, na esquerda, bem abertos sobre as alas, com Otávio a jogar, no meio, como pivot, a abrir jogo para um lado ou para o outro. Com uma elevada posse de bola, que chegou a rondar os 84 por cento, o Al Nassr ia rodando a bola a toda a largura do terreno, mas não conseguia espaços para atacar a área do Al Fayha.

A verdade é que a equipa da casa, com a lição bem estudada, fechava muito bem todos os caminhos para a sua área, ao ponto de deixar Cristiano Ronaldo, sem bola, extremamente zangado. A equipa da casa também raramente teve oportunidades para sair a jogar, mas, a nível defensivo, esteve irrepreensível até ao intervalo. Cristiano Ronaldo ainda teve uma boa oportunidade, já em tempo de compensação, mas Stojkovic, antigo guarda-redes do Sporting, defendeu com os pés.

O intervalo chegou a voar, apenas com três remates do Al Nassr [nenhum deles enquadrado], contra nenhum do Al Fayhad.

Para a segunda parte, Luís castro trocou as posições de Otávio e Brozovic, com o antigo médio do FC Porto a descair agora mais para a esquerda, mas pouco mudou. O Al Nassr continuou com uma elevada posse de bola, mas com muitas dificuldades em chegar ao último terço.

Cristiano Ronaldo voltou a ter nova oportunidade, a cruzamento de Brozovic, mas Stojkovic voltou a defender, numa altura em que o Al Fahya, com mudanças a partir do banco, começava a ensaiar algumas transições rápidas. Numa delas, a equipa da casa chegou a festejar um golo, mas estava assinalado um fora de jogo de quase dois metros.

O Al Nassr continuava com uma elevada posse de bola, agora a rondar os 77 por cento, e a massacrar, de forma crescente, a defesa do Al Fayha que acabou por ceder ao minuto 82, quando Cristiano Ronaldo acelerou pelo corredor central, combinou com Brozovic, invadiu a área e batey Stojkovic com um toque subtil. Um grande golo do internacional português, o quarto nesta Liga dos Campeões, o 31.º da temporada em 32 jogos pelo Al Nassr.

Um golo que deixa o Al Nassr em vantagem antes do jogo da segunda mão, em casa, no próximo dia 21.

O vencedor desta eliminatória já sabe que irá defrontar, nos quartos de final, o vencedor do embate entre o Al Ain (Emirados Árabes Unidos) e o Nasaf Qarshi (Uzbequistão).

Veja o golo de Cristiano Ronaldo:

Relacionados

Patrocinados