«É inaceitável fazerem-nos jogar depois do que aconteceu com o Real Madrid»

20 abr, 21:04
Manchester City-Manchester United (AP Photo/Dave Thompson)

Pep Guardiola deixa duras críticas à Federação Inglesa de Futebol e refere que a intensidade do jogo nos «quartos», frente ao Real Madrid, podia ter sido tido em conta pela organização da competição

Pep Guardiola criticou a organização da Taça de Inglaterra e afirma que é «inaceitável» que o Manchester City tenha jogado uma meia-final desta competição, apenas três dias depois do encontro com o Real Madrid.

Em declarações após a vitória por 1-0 sobre o Chelsea, com o golo de Bernardo Silva, citadas pela BBC, o técnico dos «citizens» falou sobre a presença do clube na Liga dos Campeões, ao contrário dos restantes clubes presentes nesta fase da prova (Chelsea, Manchester United e Coventry).

«É inaceitável fazerem-nos jogar este sábado, não é normal, depois de 120 minutos intensos com o Real Madrid e da forma como perdemos. Sei que este país é especial, mas é mais pela saúde dos jogadores, não percebo como conseguimos sobreviver a este jogo», admitiu o técnico.

«Acham mesmo que pedir para mudar vai alterar alguma coisa? O único poder que tenho é falar aqui, podíamos ter jogado domingo, o Chelsea, o Manchester United e o Coventry não jogaram durante a semana. Nós queremos jogar futebol, adoramos fazê-lo mas isto é demais», acrescentou Pep Guardiola.

Relacionados

Patrocinados