VÍDEO: guarda-redes recorre ao ilusionismo para travar penálti

5 ago 2023, 10:44
Nahuel Guzmán (Darryl Dyck/The Canadian Press via AP)

Nahuel Guzmán, compatriota de Emiliano Martínez, teve sucesso na arte de distrair o adversário

«Os guarda-redes devem ficar em cima da linha de golo, frente a frente com o batedor do penálti, sem tocar na barra, nos postes ou nas redes da baliza até que a bola seja rematada. Os guarda-redes não devem distrair injustamente o adversário que vai bater o penálti, de forma a não desrespeitar o jogo e o próprio executante.»

Esta foi uma das várias alterações às regras do futebol implementadas pelo Internacional Board (IFAB), a aplicar a partir de julho.

Só que na Leagues Cup, competição que reúne 47 equipas das Ligas mexicana e MLS, Nahuel Guzmán, guarda-redes do Tigres, fez tudo menos aquilo que era suposto à luz da lei.

Neste sexta-feira, no desempate por penáltis entre o conjunto mexicano e Vancouver Whitecaps, o guardião argentino (sublinhe-se argentino) aplicou alguns truques de ilusionismo.

Até tirou serpentinas da boca: neste caso, a ideia (sancionada com cartão amarelo) pareceu dar frutos, já que foi aí que defendeu o penálti que haveria de ser decisivo.

Emiliano Martínez a fazer escola? Um «menino» ao lado deste compatriota.

 

Tudo isto quase fazia com que o golaço de Gignac passasse despercebido.

Patrocinados