Hesperonyx martinhotomasorum: paleontólogos identificam em Portugal nova espécie de dinossauro

Agência Lusa , PF
18 mar, 19:07
Novo dinossauro - Hesperonyx martinhotomasorum (Victor Carvalho)

A nova espécie foi identificada a partir de vestígios de uma pata quase completa e semi-articulada descobertos durante escavações feitas em 2021

Paleontólogos identificaram na Lourinhã uma nova espécie de dinossauro, que percorria o local há 150 milhões de anos, era herbívoro, bípede e relativamente pequeno, anunciou hoje em comunicado o Museu da Lourinhã, que colaborou nas investigações.

A nova espécie, designada 'Hesperonyx martinhotomasorum', foi identificada a partir de vestígios de uma pata quase completa e semi-articulada descobertos durante escavações feitas em 2021 na formação geológica da Lourinhã, no afloramento rochoso da praia de Porto Dinheiro.

O resultado do trabalho, feito por paleontólogos das universidades Nova de Lisboa, de Saragoça (Espanha) e Bona (Alemanha), em colaboração com o Museu da Lourinhã e a Sociedade de História Natural de Torres Vedras, é hoje divulgado na edição digital da publicação da especialidade Journal of Vertebrate Paleontology.

Hesperonyx martinhotomasorum (Ilustração de Victor Carvalho)

A nova espécie tem na sua designação os nomes 'martinho' e 'tomas', em homenagem a Micael Martinho e Carla Tomás, os preparadores de fósseis do Museu da Lourinhã, onde os restos da pata do 'Hesperonyx martinhotomasorum' estão expostos ao público.

Segundo os investigadores, o novo dinossauro, pelas suas características, era bastante raro no período geológico do Jurássico na Europa.

Ciência

Mais Ciência

Mais Lidas

Patrocinados