Saiba tudo sobre o Euro aqui

GNR detém quatro homens por furto de hastes de veado e gamo em Vila Viçosa

Agência Lusa , CF
1 mar 2023, 16:29
GNR

Suspeitos foram detidos no domingo e notificados para comparecer em Tribunal, mas "voltaram ao mesmo local com a intenção de fazer uma nova subtração" no dia seguinte

Quatro homens, de 36 e 37 anos, foram detidos pela GNR pelo furto de hastes de veado e de gamo na Tapada Real, em Vila Viçosa, no distrito de Évora, revelou a força de segurança.

Em comunicado, o Comando Territorial de Évora da Guarda Nacional Republicana (GNR) explicou que os quatro suspeitos foram detidos no domingo, voltando a ser detidos na segunda-feira, no mesmo local.

“Após uma denúncia de que se encontravam pessoas na Tapada Real, sem a devida autorização, os militares da Guarda deslocaram-se ao local”, referiu a GNR, acrescentando que conseguiu intercetar os quatro suspeitos “momentos após o furto de 18 hastes das instalações que se localizam nesta Tapada”.

Os suspeitos foram detidos e notificados para comparecer no dia seguinte no Tribunal Judicial de Vila Viçosa.

No entanto, na segunda-feira à noite, “os suspeitos voltaram ao mesmo local com a intenção de fazer uma nova subtração”, acrescentou a Guarda.

De acordo com a Guarda, os militares verificaram “movimentos indevidos na Tapada Real [e] montaram uma operação policial que culminou na fiscalização do veículo em que os suspeitos seguiam e na recuperação de 65 hastes”.

“Os autores foram novamente detidos e foi ainda apreendido um veículo, dois serrotes, roupa camuflada e utensílios utilizados para facilitar o furto”, lê-se no comunicado.

Contactada pela Lusa, fonte policial explicou que os detidos foram esta quarta-feira presentes ao Tribunal Judicial de Vila Viçosa e saíram em liberdade, sob termo de identidade e residência, tendo o processo baixado a inquérito.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados