Ivo Vieira quer fazer uma época «equilibrada» no Gil Vicente

6 jul, 14:08
Ivo Vieira (facebook Gil Vicente)

Treinador fala de um momento histórico para o clube que é preciso aproveitar

O treinador do Gil Vicente, Ivo Vieira, realçou esta quarta que a equipa quer «fazer uma época equilibrada» para continuar o crescimento do clube na Liga, na sequência do quinto lugar na época passada.

O substituto de Ricardo Soares, que rumou aos egípcios do Al-Ahly, admitiu que é «uma grande responsabilidade e desafio» voltar ao principal campeonato português, sete meses depois da saída do Famalicão, ainda para mais num «momento histórico para o Gil Vicente», que se estreia em provas da UEFA em agosto.

«Tudo farei para que os objetivos sejam conseguidos, os de fazer uma época sustentável e equilibrada. Queremos um clube em crescimento para conseguir de forma sustentável resultados como na época passada», referiu.

«Não estava a exercer. Tive oportunidade de voltar no passado ao treino e não o fiz. Na primeira impressão, fechámos as coisas. Há uma confiança mútua na estratégia do presidente e daqueles que o rodeiam. Fechámos o acordo com um aperto de mão. Gosto de estar na vida assim. Foi fácil e rápido.»

Na apresentação oficial, ele que já foi anunciado na semana passada, Ivo Vieira disse que a permanência na Liga é a base para a estabilidade. No entanto o treinador quer mais: quer continuar a projetar jogadores, como o clube fez na temporada passada com Samuel Lino, extremo que se transferiu para o Atlético de Madrid.

«O Gil Vicente ganhou projeção nos atletas e cabe-me dar continuidade a esse processo. Quero o melhor para os atletas. Nunca pedi para me segurarem jogadores. É a minha forma de estar no futebol. O clube valorizou jogadores e alavancou a estrutura.»

Ao lado do treinador contratado até junho de 2024, o presidente do Gil Vicente, Francisco Dias da Silva, pediu um «trabalho de competência e de continuidade», sem ilusões quanto à eventual luta «por um quinto ou quarto lugar».

«Espero que se dê por cá muito bem. Temos de trabalhar muito para o sucesso acontecer. Queremos dar continuidade ao nosso projeto, em vez de estarmos com ilusões do quinto ou do quarto lugar. Tudo o que venha acima da manutenção que venha por bem», frisou.

Patrocinados