Detido fugitivo condenado no Luxemburgo por abusar sexualmente das filhas

Agência Lusa , AM
28 mar, 11:41
Preso

Homem de 79 anos foi condenado a uma pena de 20 anos de prisão

A Polícia Judiciária (PJ) deteve em Portimão, no Algarve, um homem condenado no Luxemburgo por 15 crimes de abuso sexual e ofensas à integridade física cometidos contra as suas filhas.

“A Polícia Judiciária localizou e deteve um cidadão português, sobre o qual pendia um mandado de detenção europeu, emitido pelas autoridades do Luxemburgo, pela prática de 15 crimes de abuso sexual de crianças e ofensas à integridade física”, lê-se num comunicado da PJ.

O homem de 79 anos foi condenado a uma pena de 20 anos de prisão, pela prática de 15 crimes de abuso sexual de crianças e ofensas à integridade física que ocorreram no seio familiar, entre 2007 e 2008, de acordo com o comunicado.

A nota refere que, depois de ter desenvolvido pesquisas e análise de informação criminal, complementadas por diligências operacionais, a Unidade de Informação Criminal da PJ localizou e deteve o fugitivo na zona de Portimão, no distrito de Faro.

A nota acrescenta que as vítimas foram as próprias filhas, tendo os crimes sido cometidos com recurso a violência física.

O detido já foi presente ao Tribunal da Relação de Évora que determinou que ficasse a aguardar em prisão preventiva o processo de extradição.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Mais Lidas

Patrocinados