Mais de 21 mil jovens participaram este ano em atividades de divulgação das Forças Armadas

Agência Lusa
31 out, 16:56
Atividades de divulgação das Forças Armadas

De acordo com o EMGFA, este programa “tem como objetivo a promoção da imagem de umas Forças Armadas credíveis, mais próximas dos cidadãos e mais abertas à sociedade”

Cerca de 21 mil crianças e jovens, do ensino primário ao superior, participaram este ano em atividades de divulgação sobre as Forças Armadas, foi hoje anunciado pelo Estado-Maior-General (EMGFA).

Numa nota do EMGFA enviada à imprensa, lê-se que “durante o ano de 2022, no âmbito do ‘Programa de Divulgação das Forças Armadas’, foram realizadas atividades em 347 estabelecimentos de ensino (159 do Continente, 145 dos Açores e 43 da Madeira), nos quais participaram 21.469 crianças e jovens”.

Destas, 11.950 eram alunos do 1.º ciclo do ensino básico, 8.259 alunos do 3.º ciclo e 1.260 alunos do ensino superior.

De acordo com o EMGFA, este programa “tem como objetivo a promoção da imagem de umas Forças Armadas credíveis, mais próximas dos cidadãos e mais abertas à sociedade” e divide-se em três atividades distintas: a iniciativa “Alista-te por um dia”, a “Cidadania e Forças Armadas” e a “Portugal e Forças Armadas”.

A iniciativa “Alista-te por um dia” tem como objetivo transmitir às crianças do 4.º ano do 1.º ciclo do ensino básico “os valores da instituição militar e da cidadania, dando a conhecer, de forma dinâmica e apelativa, as atividades mais representativas das Forças Armadas”, através de visitas a unidades militares dos três ramos das Forças Armadas.

A atividade “Cidadania e Forças Armadas”, destinada a alunos do 9.º ano do 3.º ciclo do ensino básico, consiste em “palestras ministradas por oficiais da Marinha, do Exército e da Força Aérea, e pela Liga de Reservistas, acerca de cada um dos três ramos, com especial enfoque na missão e empenhamento no contexto nacional e internacional”.

“Nestas ações é ainda dado ênfase aos valores e virtudes que contribuem para o exercício de uma cidadania ativa e responsável, valores esses considerados de extrema importância na instituição”, acrescenta a nota.

Por fim, lê-se no comunicado, a iniciativa “Portugal e Forças Armadas”, destinada a alunos do 12.º ano e do ensino superior, “visa melhorar a imagem das Forças Armadas e potenciar parcerias e relações institucionais, que contribuam para o cumprimento da sua missão”.

País

Mais País

Patrocinados