Oito militares do Estado Islâmico mortos em operação síria

Agência Lusa , PP
28 jan, 23:16
Jihadistas declaram «Estado Islâmico» no Iraque e na Síria (REUTERS)

Nos últimos meses os jihadistas realizaram dezenas de ataques, sobretudo no triângulo entre as províncias de Homs, Raqqa e Deir Ezzor

Oito presumíveis "terroristas" do grupo jihadista Estado Islâmico foram mortos hoje numa operação das forças armadas sírias em Nawa, na província de Dera-a, segundo a agência síria SANA.

De acordo com a agência de notícias oficial síria, os militares lançaram uma operação de segurança em zonas que são utilizadas como refúgio pelos “terroristas”, tendo morto oito pessoas, entre as quais alguns comandantes.

O Califado instaurado pelo Estado Islâmico perdeu o controlo do seu último reduto sírio em março de 2019 com a tomada de Baghuz pelas Forças Democráticas Sírias.

No entanto, nos últimos meses os jihadistas realizaram dezenas de ataques, sobretudo no triângulo entre as províncias de Homs, Raqqa e Deir Ezzor.

Mundo

Mais Mundo

Mais Lidas

Patrocinados