Brasil: Lula da Silva com 45% das intenções de voto a um mês da primeira volta das eleições

Agência Lusa , DCT
2 set, 06:10
Lula da Silva (AP Photo/Edmar Barros)

Os votos em branco e/ou nulos representam 4%.

O ex-presidente brasileiro Lula da Silva tem 45% das intenções de voto para as eleições presidenciais agendadas para daqui a um mês, segundo a sondagem divulgada na noite de quinta-feira pelo Datafolha. De acordo com a sondagem encomendada pela Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo, o candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) perdeu dois pontos percentuais em relação à pesquisa anterior do Datafolha, de 18 de agosto.

Para vencer à primeira volta, que se realiza a 2 de outubro, é necessário mais de 50% dos votos.

O atual Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, segundo a sondagem hoje divulgada, manteve a sua percentagem de 32% das intenções de voto. Em terceiro lugar está o líder trabalhista Ciro Gomes, que subiu dois pontos percentuais e encontra-se nos 9% dos votos. Quem mais subiu, e variou para além da margem de erro, foi a Senadora Simone Tebet: cresceu três pontos percentuais e agora tem 5% nas intenções de voto.

Os votos em branco e/ou nulos representam 4%.

Se considerarmos apenas os votos válidos, sem nulos, brancos e indecisos, Lula da Silva caiu de 51% para 48%, deixando-o mais distante da possibilidade de a eleição ser decidida na primeira volta.

Segundo o Datafolha, numa eventual segunda volta, o ex-presidente regista 53% das intenções de voto e o atual chefe de Estado conta com 38%.

A sondagem, que tem uma margem de erro de dois pontos, foi a realizada entre os dias 30 de agosto e 01 de setembro (após o debate presidencial do último domingo) e reafirma a forte bipolarização entre Lula e Bolsonaro, uma vez que nenhum outro candidato consegue ultrapassar os dois dígitos nas intenções de voto.

 

Brasil

Mais Brasil

Patrocinados