VÍDEO: Vingegaard com várias fraturas depois de acidente aparatoso

4 abr, 20:36
Vingegaard transportado para o hopistal depois de queda aparatosa

Bi-campeão do «Tour» fraturou a clavícula e várias costelas após acidente que envolveu também Primoz Roglic e Remco Evenepoel

[NOTÍCIA ATUALIZADA às 20h34]

A quarta etapa da Volta ao País Basco ficou marcada por uma queda aparatosa, que envolveu os três principais favoritos à conquista da prova. Jonas Vingegaard ficou maltratado, com clavícula e várias costelas fraturadas, mas está consciente e estável.

Tudo aconteceu a 30km da meta, numa descida feita a alta velocidade, com diversos ciclistas a saírem de estrada, numa zona com algumas rochas e uma vala junto ao asfalto.

O ciclista dinamarquês, vencedor em título da Volta a França, foi um dos ciclistas envolvidos, ficou muito mal tratado e acabou mesmo por ser transportado de maca, com assistência respiratória e um colar cervical.

«Foi uma queda feia na quarta etapa da Volta ao País Basco, mas, felizmente, ele [Jonas Vingegaard] está estável e consciente. Os exames feitos no hospital revelaram que tem a clavícula partida e várias costelas fraturadas. Vai permanecer no hospital por precaução», lê-se no sítio oficial da equipa Visma-Lease a Bike.

Entre os afetados, estiveram também Primoz Roglic, vencedor da Volta a Itália na época passada, que já tinha sofrido uma queda esta quarta-feira, assim como Remco Evenepoel, ex-campeão do mundo, que sofreu uma lesão na clavícula. Ambos os ciclistas também abandonaram a competição.

A corrida chegou a ser neutralizada após o acidente, tendo depois sido retomada, com os seis fugitivos a discutirem a vitória entre si. Os restantes ciclistas ficaram com o mesmo tempo da fuga.

Patrocinados