Surreal: árbitro acaba com o Mali-Tunísia duas vezes antes dos 90 minutos

12 jan, 15:17
Árbitro perdeu a cabeça no Mali-Tunísia
Árbitro perdeu a cabeça no Mali-Tunísia

Jogo marcado por uma arbitragem inacreditável levou o banco tunisino ao desespero

PUB

O embate entre o Mali e a Tunísia acabou de forma caricata depois do árbitro, de cabeça perdida, ter apitado por duas vezes para o final antes dos noventa minutos regulamentares.

Um jogo marcado por muita polémica e muitos protestos da parte das duas equipas, com uma grande penalidade para cada lado, com o Mali a converter a primeira, aos 48 minutos, com um pontapé certeiro de Ibrahima Koné, mas com a Tunísia a desperdiçar a segunda, por Kharzi, aos 77.

PUB

Mas o momento mais caricato foi quando o árbitro Janny Sikazwe, da Zâmbia, encheu os pulmões para apitar por três vezes aos 85 minutos. O banco da Tunísia levantou-se em polvorosa e o quarto árbitro avisou que faltavam mais cinco minutos.

O senhor Sikazwe lá retomou o jogo, ainda houve tempo para a expulsão de um jogador da Tunísia, El Bilal Touré, mas depois voltou a acabar o jogo a trinta segundos antes dos noventa, desta vez de forma definitiva, perante mais uma onde de protestos do banco da Tunísia.

Inacreditável!

Nos outros jogos desta quarta-feira, a estreante Gâmbia, com o «boavisteiro» Yusupha no banco, bateu a Mauritânia por 1-0 graças um golo de Ablie Jallow, logo aos dez minutos. 

Mais tarde, a Costa do Marfim confirmou o favoritismo e derrotou a Guiné Equatorial com um golo de Gradel, anotado ainda nos primeiros cinco minutos. 

[artigo atualizado]

PUB
PUB
PUB

A primeira paragem aos 85 minutos:

Maçli

Relacionados

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Patrocinados