Subida de 0,5% nas taxas de juro é o mínimo, avisa membro do BCE

26 set, 13:57
BCE (Reuters)

Gediminas Simkus, membro do Conselho de Administração do Banco Central Europeu, admite que "há poucas opções em cima da mesa" para o aumento das taxas de juro em outubro, sendo que o mais baixo é de 50 pontos-base

O Banco Central Europeu (BCE) vai aumentar os juros dos empréstimos no próximo mês em pelo menos 0,5 pontos percentuais, conforme as pressões da inflação se intensificarem, avança o governador do banco central da Lituânia e membro do Conselho de Administração do BCE, Gediminas Simkus.

"Com base nos dados que vejo agora, as tendências inflacionistas estão a intensificar-se", afirmou Gediminas Simkus aos jornalistas esta segunda-feira, acrescentando: "Há poucas opções em cima da mesa" para o aumento das taxas de juro em outubro, o mais baixo dos quais é a de 50 pontos-base.

Segundo o governador, citado pela Bloomberg, há outros fatores que também vão influenciar a tomada de decisões - incluindo as expectativas de preços e emprego, elencou.

Esta semana, serão divulgados os dados da inflação de setembro, que devem estabelecer outro recorde em quase cinco vezes a meta de 2% do BCE para o crescimento dos preços a médio prazo. 

Economia

Mais Economia

Patrocinados