Saiba tudo sobre o Euro aqui

Bancos dos EUA resgatam First Republic com depósito de 30 mil milhões

Agência Lusa | ECO - Parceiro CNN Portugal
17 mar 2023, 09:35
Preços, dinheiro, euro, inflação, economia. Foto: Marijan Murat/picture alliance via Getty Images

Para mostrar confiança ao mercado, um grupo de instituições financeiras dos EUA vai depositar 30 mil milhões de dólares (28 mil milhões de euros) no First Republic Bank

Um grupo de instituições financeiras dos EUA vai resgatar o First Republic Bank com um depósito de 30.000 milhões de dólares (cerca de 28.000 milhões de euros), foi anunciado na noite de quinta-feira.

As 11 instituições vão depositar três montantes diferentes no banco First Republic, que sofreu uma forte desvalorização nos últimos dias após a falência do Silicon Valley Bank. As empresas que vão resgatar o First Republic têm de ficar no banco por quatro meses (120 dias).

Bank of America, Wells Fargo, Citigroup e JPMorgan vão depositar, cada um, cerca de cinco mil milhões de dólares; Goldman Sachs e Morgan Stanley vão contribuir com perto de 2,5 mil milhões de dólares; os restantes bancos – Truist, PNC, U.S. Bancorp, State Street e Bank of New York Mellon vão injetar perto de mil milhões de dólares cada, detalhou a CNBC.

“A ação dos maiores bancos dos Estados Unidos reflete a confiança no First Republic e nos bancos de todas as dimensões e demonstra o seu total comprometimento em ajudá-los a servir os seus clientes e comunidades”, justificou o grupo de instituições financeiras em comunicado.

O First Republic, com sede em São Francisco, foi avaliado com o rating “lixo” na quarta-feira pelas agências de notação financeira Fitch e S&P.

Relacionados

Economia

Mais Economia

Patrocinados