Aguiar-Branco candidato a presidente da Assembleia da República e Hugo Soares a líder parlamentar do PSD

Agência Lusa , AM
25 mar, 12:03

Se for eleito, José Pedro Aguiar-Branco, antigo ministro da Defesa, sucederá ao socialista Augusto Santos Silva

O ex-ministro José Pedro Aguiar-Branco vai ser o candidato do PSD a presidente da Assembleia da República na XVI legislatura e Hugo Soares à liderança da bancada social-democrata, disse à Lusa fonte oficial do partido.

Segundo o Regimento da Assembleia da República, a eleição do presidente do parlamento tem lugar na primeira reunião plenária da legislatura – prevista para terça-feira - e é eleito “o candidato que obtiver a maioria absoluta dos votos dos deputados em efetividade de funções”.

Se for eleito, José Pedro Aguiar-Branco, antigo ministro da Defesa, sucederá ao socialista Augusto Santos Silva (que falhou a eleição pelo círculo Fora da Europa) como segunda figura do Estado.

Na liderança da bancada do PSD, cujas eleições não foram ainda formalmente marcadas, Hugo Soares deverá substituir Joaquim Miranda Sarmento, que ocupa o cargo desde julho de 2023.

A Aliança Democrática (AD) venceu as eleições de 10 de março e o líder do PSD foi indigitado primeiro-ministro pelo Presidente da República. Luís Montenegro apresenta o seu Governo na quinta-feira e a posse está prevista para 02 de abril.

No novo parlamento, o PSD terá 78 deputados (mais um do que na anterior legislatura), o PS também 78 (menos 42), o Chega sobe de 12 para 50 parlamentares, a IL mantém os oito deputados e o BE os cinco que já tinha, enquanto o PCP desce de seis para quatro. O Livre cresce de um para quatro e o PAN mantém a sua deputada única.

O CDS-PP regressa ao parlamento com dois deputados, obtidos na coligação pré-eleitoral AD (com PSD e PPM), que totalizará 80 deputados na Assembleia da República.

Governo

Mais Governo

Mais Lidas

Patrocinados