YL: FC Porto-RB Leipzig, 1-1 (6-7 g.p.)

12 fev 2020, 17:20
Sub-19 do FC Porto

Campeões em título ficam pelo caminho

A equipa de sub-19 do FC Porto despediu-se da UEFA Youth League, falhando o acesso aos oitavos de final da competição. No play-off decisivo, os dragões empataram com o RB Salzburgo (1-1) no Olival e foram afastados no desempate através da marcação de grandes penalidades. O guarda-redes Francisco Meixedo defendeu dois e falhou um (6-7).

O FC Porto chegou a esta fase após eliminar o FK Liepaja e o Domzale no Caminho dos Campeões, via paralela à fase de grupos. Pela frente, os campões em título tinham o RB Salzburgo, segundo classificado do Grupo E, atrás do Liverpool.

O FILME DO JOGO

Perante uma plateia entusiasmada no Olival, os dragões dispuseram da primeira oportunidade clara de golo, com Gonçalo Borges a surgir na área após um passe de Fábio Vieira e a disparar para defesa de Antosch. O Salzburgo, equipa dom qualidade reconhecia, respondeu em força.

Francisco Meixedo negou por duas vezes o festejo de Adamu mas, à terceira, não conseguiu travar Affengruber. Na sequência de um canto, o central antecipou-se a Pedro Justiniano e cabeceou para o fundo das redes portistas.

O FC Porto conseguiu anular a desvantagem ainda antes do intervalo, após um período de algum nervosismo, em que viu Adeyemi atirar à trave (33m). O árbitro assinalou uma falta de Walison sobre Rodrigo Valente e o capitão Fábio Vieira, na cobrança do respetivo castigo máximo, atirou colocado para o 1-1.

Fábio Vieira foi o principal foco de perigo para a baliza austríaca e esteve perto do segundo golo, já na segunda parte, na cobrança de um livre direto. O esquerdo atirou em arco mas acertou no ferro, ficando a centímetros do festejo.

A equipa de Tulipa entrou de facto melhor na segunda parte mas sentiu dificuldades para travar as unidades mais ofensivas do Salzburgo, sobretudo Adamu e Adeyemi. Já ao minuto 85, o promissor Karim Adeyemi beneficiou de uma excelente oportunidade para garantir o triunfo da formação austríaca, surgindo sem oposição na área, mas atirou incrivelmente ao lado.

No desempate com recurso à marcação de grandes penalidades, Francisco Meixedo ainda fez duas grandes defesas, compensando as tentativas falhadas de Rodrigo Valente e Levi Faustino, mas o guarda-redes portista assumiu a responsabilidade de bater um dos penáltis e não conseguiu bater Antosch. Walison aproveitou para carimbar o apuramento do Salzburgo.

Patrocinados