Ucrânia recupera lentamente dos cortes de energia, mas a "situação será incomportável" se voltar a acontecer

24 nov, 10:56

Sérgio Furtado, o enviado especial da CNN Portugal na Ucrânia, fala a partir de Odessa - uma das cidades afetadas pelos cortes de água e energia que marcaram esta quarta-feira, após a Rússia ter bombardeado infraestruturas críticas. 

Na manhã desta quinta-feira, muitas regiões já tinham assegurado a reposição de parte da rede energética, mas o clima geral é de tensão e receio pela possível repetição deste incidente. 

Europa

Mais Europa

Patrocinados