"Sabe quem são estes homens? Sabe? São seus deputados. Estão a rir-se. Sabe porquê? Estão a rir-se durante um minuto de silêncio por uma mulher assassinada"

20 jul, 12:15

Decorreu o último debate em Espanha antes das eleições de domingo. O líder do PP, Alberto Feijoó, não foi. O debate tornou-se mais tenso quando se discutiu a lei "apenas sim é sim", que usa o consentimento como fator crucial no que toca a agressões sexuais. O líder da extrema-direita, Santiago Abascal, acusou Sánchez e Yolanda Díaz de aumentarem a violência sexista. A contrarresposta foi assim como pode ver no vídeo

Europa

Mais Europa

Mais Vistos

Patrocinados