Rússia abre a torneira do gás, mas Alemanha acusa Rússia de chantagem

21 jul, 21:24

O Kremlin voltou a surpreender com a sua estratégia económica e política em plena guerra e para contrariar todas as suspeitas dos líderes europeus, a empresa Gazprom abriu de novo a torneira do gás através do gasoduto Nord Stream 1, após dez dias de suspensão do fornecimento. 

A notícia trouxe algum alívio aos alemães, mas momentâneo. Apesar de aberta, a torneira do gás russo está a funcionar apenas com 30% da sua capacidade, o que levou a Alemanha a acusar a Rússia de chantagem.

Europa

Mais Europa

Patrocinados