Forças ucranianas com dificuldades para retirar os 15 mil civis que permanecem em Severodonetsk

30 mai, 09:07

Os bombardeamentos constantes não têm dado tréguas a quem recusa abandonar as casas na região do Donbass. Em Kramatorsk, já há ucranianos sem água, luz e gás há várias semanas e, na cidade de Severodonetsk, as forças ucranianas dizem que é imperativo retirar os 15 mil civis que permanecem na localidade, como contam os enviados especiais da TVI/CNN Portugal João Franco e Carla Rodrigues.

Europa

Mais Europa

Patrocinados