Ex-padre madeirense acusado de pedofilia está em fuga

Correspondente CNN Portugal na Madeira
6 jan, 17:44

Anastácio Alves, ex-padre, foi formalmente acusado pelo Ministério Público da prática de cinco crimes de abuso sexual de menores na Madeira. A acusação é feita à revelia, já que desde 2018, ninguém sabe do paradeiro do arguido. No despacho da acusação pode ler-se que o então sacerdote terá abusado de um menor de 13 anos em cinco situações distintas, em 2015 e em 2016. Mas não é a primeira vez que este ex-padre foi investigado e arguido em processos do Ministério Público por suspeita de pedofilia.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados