Confessou crime de incêndio que consumiu 2.800 hectares em Oliveira de Azeméis. Foi condenado a sete anos de prisão

Jornalista TVI/CNN Portugal
20 abr 2023, 14:37

O homem que confessou ter ateado o incêndio em Oliveira de Azeméis, em junho do ano passado, foi condenado a sete anos prisão efetiva. Foram consumidos 2.800 hectares e registaram-se prejuízos acimas dos quatro milhões de euros.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados