"Completamente libertada". Rússia anuncia queda da Azovstal e rendição do Batalhão Azov

Sou jornalista e produtor há cinco anos, trabalhei em Portugal e no estrangeiro.  Quase por mero acaso, decidi estudar Comunicação Social e Cultural na Universidade Católica Portuguesa, mas rapidamente tornou-se óbvio que queria ser jornalista. Afinal, sempre gostei muito de fazer perguntas, e, acima de tudo, sempre tive um fascínio enorme por televisão.  Estagiei em algumas redações por Lisboa, mas queria fazer mais e, depois de uma passagem por São Tomé e Príncipe, parti para Londres para fazer um mestrado em International Journalism, na City, University of London.  Tive o privilégio de trabalhar em redações como a Bloomberg Television, a Sky News e a ITV, onde ganhei o gosto de cobrir matérias internacionais, política e economia.  Regressei agora a Portugal, e tenho a sorte de integrar a equipa da CNN Portugal, para fazer jornalismo com marca, diferente e que impactante junto das pessoas.
21 mai, 00:53

Caiu o último reduto da resistência ucraniana em Mariupol.

A Rússia garante que ganhou o controlo do complexo siderúrgico da Azovstal. 

Do lado ucraniano, ainda não há confirmação, mas esta sexta-feira renderam-se os últimos soldados ucranianos que estavam no complexo industrial.

Europa

Mais Europa

Patrocinados