Antecessor de Marta Temido "identifica-se" com o sentimento de injustiça dos médicos

25 nov, 22:03

Questionado sobre as palavras da ministra da Saúde, Adalberto Campos Fernandes considera que os médicos têm, neste momento, "uma vida muito difícil", e afirma que, para além de recursos humanos, tecnológicos e de dinheiro, o SNS precisa de "empatia sincera".

Sobre as medidas de contenção anunciadas pelo Governo esta quinta-feira, o antigo ministro da Saúde considera-as "apropriadas" e que "não cavalgam um estado de alarmismo despropositado".

Covid-19

Mais Covid-19