EUA emitem alerta para possíveis ataques terroristas em Moscovo

8 mar, 10:37
Moscovo (EPA)

A embaixada dos EUA em Moscovo aconselha todos os cidadãos americanos a evitar grandes reuniões nas próximas 48 horas

A Embaixada dos Estados Unidos em Moscovo está a monitorizar relatos de que grupos extremistas têm planos iminentes para atingir grandes concentrações de gente na capital russa. Isso pode incluir, por exemplo, concertos de música.  

A embaixada dos EUA em Moscovo aconselha assim todos os cidadãos americanos a evitar grandes reuniões nas próximas 48 horas. 

Numa publicação na página oficial da embaixada, não é especificado a que tipo de ameaças se referem ou quem pode estar por trás delas.  

A Embaixada do Reino Unido na Rússia replicou o comunicado emitido pelos EUA. 
 
Esta quinta-feira, o Serviço Federal de Segurança (FSB) da Rússia disse que os seus agentes tinham frustrado um potencial ataque terrorista do Daesh a uma sinagoga de Moscovo. A agência de notícias estatal russa TASS avançou, citando a assessoria de imprensa do FSB, que agentes do FSB mataram vários militantes que planeavam o ataque. Mas não é claro se esse incidente está relacionado com o alerta emitido pelos EUA.  

Europa

Mais Europa

Patrocinados