Rui Miguel Nabeiro: "As lembranças que tenho do meu avô são sempre ligadas ao café"

19 mar, 10:46

Recuperamos uma entrevista do empresário, que sucedeu ao avô na liderança do grupo Delta

Rui Nabeiro deixa uma herança que vai para além de bens materiais. O comendador era um empresário respeitado e era também admirado pelas suas qualidades humanas. Que memórias deixa o fundador da Delta? Recuperamos uma conversa com o empresário Rui Miguel Nabeiro, que sucedeu ao avô na liderança do grupo, e que partilhou momentos e ensinamentos, em entrevista à CNN Portugal, em dezembro de 2021: "As lembranças que tenho do meu avô são sempre ligadas ao café. Lembro-me perfeitamente de irmos com ele para a fábrica, quando ainda estava no seu início. Ele ficava a trabalhar e eu, a minha irmã e os meus primos ficávamos a brincar à volta do café. Na altura, tínhamos umas sacas enormes. E ali andávamos pela fábrica."

Os negócios estiveram sempre presentes na vida desta família, que cresceu respeitando algumas diretrizes: "São sempre memórias ligadas ao mundo do trabalho. Dizia-nos: têm de estudar e aprender, que é para virem ajudar o avô. Esta era a grande mensagem que ele passava sempre. A outra tinha a ver com os clientes. Era a preocupação que ele sempre teve de tratar bem o cliente. A base de tudo o que fazemos é ter os clientes satisfeitos. Essa era a preocupação número dele e foi sempre essa a mensagem que nos passou."


 

País

Mais País

Mais Lidas

Patrocinados