BE reúne hoje Mesa Nacional para debater prioridades para as eleições europeias

Agência Lusa , DCT
13 abr, 08:56
Mariana Mortágua, BE (Lusa)

O nome de Catarina Martins foi escolhido para encabeçar a lista bloquista às europeias na última reunião da Mesa Nacional do partido, em 16 de março.

A Mesa Nacional do BE reúne-se este sábado para debater as prioridades do partido para as eleições europeias, cujas conclusões serão divulgadas ao final do dia pela coordenadora, Mariana Mortágua, num comício com a participação de Catarina Martins.

Fonte oficial do partido disse à Lusa que a reunião do órgão máximo entre convenções decorre hoje e tem como objetivo debater “as prioridades do Bloco de Esquerda para as próximas eleições europeias”.

Ao invés da habitual conferência de imprensa, as prioridades saídas da reunião deste órgão serão divulgadas no comício que o partido vai realizar em Lisboa esta tarde.

Intitulado “Abril é na Rua!”, este comício contará com intervenções da coordenadora do BE, Mariana Mortágua, e da cabeça de lista do partido às eleições europeias de 09 de junho e ex-coordenadora, Catarina Martins.

O nome de Catarina Martins foi escolhido para encabeçar a lista bloquista às europeias na última reunião da Mesa Nacional do partido, em 16 de março.

Na altura, Mariana Mortágua considerou que Catarina Martins “é uma das dirigentes da esquerda europeia com mais experiência e mais reconhecimento”, sendo a “candidatura mais forte que a esquerda pode apresentar”.

Depois de uma década à frente do BE, durante a qual levou o partido aos seus melhores resultados, mas também a um dos piores, nas legislativas de 2022, Catarina Martins passou o testemunho a Mariana Mortágua no ano passado, na XIII Convenção Nacional.

Foi eleita deputada pela primeira vez nas legislativas de 2009, então como independente nas listas do BE, tendo sido reeleita nas eleições legislativas seguintes já como militante.

Catarina Martins foi coordenadora do BE entre 2012 e 2023. Nos primeiros dois anos, ocupou este cargo em parceria com João Semedo, numa inédita liderança ‘bicéfala’, modelo abandonado em 2014, na Convenção Nacional seguinte.

Partidos

Mais Partidos

Patrocinados