Boavista: Bozeník volta às opções após transferência falhada

9 fev, 15:10
Ricardo Paiva (JOSÉ COELHO/Lusa)

Ricardo Paiva garantiu que o assunto é «caso encerrado» e conta com o esloveno para a receção ao Estoril

O avançado Róbert Bozeník está disponível para o próximo jogo do Boavista, diante do Estoril.

O internacional esloveno viajou para Espanha no último dia do mercado, sem autorização dos axadrezados, na esperança de assinar com o Sevilha, mas regressou dois dias depois a Portugal, depois da transferência não se concretizar.

Bozeník reintegrou os treinos das panteras, mas falhou o último jogo, com o Casa Pia.

«É um caso encerrado. O jogador trabalhou bem durante a semana e estará neste jogo», garantiu o treinador Ricardo Paiva, em conferência de imprensa.

«Na última semana, disse que o caso estaria entregue à direção. Assim foi. Entretanto, o jogador treinou durante a semana de forma natural e o caso ficou encerrado. Não vale a pena estarmos a tocar mais nesse ponto, porque é um caso do passado. O Bozeník está integrado e é um jogador muito importante. De qualquer forma, não entendi [que o caso tivesse sido tratado] de uma maneira diferente dos demais», acrescentou.

O Boavista empatou no terreno do Casa Pia (0-0), num jogo em que nenhuma equipa conseguiu rematar à baliza. Ainda assim, a equipa do Bessa conseguiu manter a baliza a zeros pela primeira vez esta época.

«Foi muito importante termos mantido a nossa baliza a zero e queremos dar continuidade a esse fator. Quanto à falta de produtividade e alguma dificuldade na chegada [ao último terço], são circunstâncias do momento. Não me parece que seja uma situação regular na nossa equipa pela negativa. Não temos sido assim, mas fomos assim neste último duelo. Encontrámos fatores para tal, mas, depois dessa análise, é bola para a frente», sublinhou.

Sem ganhar há três jornadas, o Boavista vai receber o Estoril no Bessa, reduto onde não vence há sete jogos e quase cinco meses.

«O adversário vem de um bom momento, ultimamente afastou o Benfica nas meias-finais da Taça da Liga e só perdeu com o Sporting de Braga por penáltis na final, além de já ter vencido por duas vezes um candidato ao título como o FC Porto e de ter o quarto melhor ataque do campeonato. São factos que dizem muito da dificuldade que vamos enfrentar», vincou.

Rodrigo Abascal está de volta após castigo, enquanto Luís Santos é baixa por lesão. De fora continuam Chidozie e Bruno Onyemaechi, a representar a Nigéria na CAN, com perspetiva de alinharem na final, no domingo.

«Desejo-lhes o maior sucesso e que vençam. Depois de chegarem, iremos analisar essa condição em que se apresentam, trabalhar e fazer o devido reenquadramento na nossa equipa», concluiu Ricardo Paiva.

O Boavista mede forças com o Estoril no sábado, às 20h30, em jogo da 21.ª ronda da Liga, que poderá seguir AO MINUTO no Maisfutebol.

Relacionados

Patrocinados