Filho de John Lennon canta pela primeira vez o tema "Imagine": "Sempre disse que só cantaria este tema perante o fim do mundo"

12 abr, 19:15
Julian Lennon publica vídeo a cantar famoso tema do pai (D.R. Youtube)

"Com esta música, somos transportados para um espaço onde o amor e a união se transformam na nossa realidade, mesmo que seja por breves momentos", afirmou

O filho do vocalista e compositor dos Beatles John Lennon, que morreu em 1980,  cantou pela primeira vez o famoso tema da autoria do pai, "Imagine", no âmbito de uma iniciativa para angariar fundos que permitam apoiar a Ucrânia.

Na sexta-feira passada, Julian Lennon publicou um vídeo no seu canal do Youtube, onde surge a cantar a música, numa sala escura, repleta de velas acesas. "Hoje, pela primeira vez, canto em público a música do meu pai, Imagine", escreveu, na descrição do vídeo.

O filho único de John Lennon, do primeiro casamento do cantor, com Cynthia Powell, seguiu os passos do pai, prosseguindo uma carreira na música, mas esta é a primeira vez que Julian canta este tema, lançado em 1971, e que se tornou um hino da paz. Na descrição, Julian refere que sempre disse que só cantaria este tema se estivesse perante "o fim do mundo".

Face aos desenvolvimentos na Ucrânia, que resiste à invasão russa desde 24 de fevereiro, decidiu cantar a música, explicando que "a letra reflete o desejo coletivo pela paz mundial". "Com esta música, somos transportados para um espaço onde o amor e a união se transformam na nossa realidade, mesmo que seja por breves momentos. A música reflete a luz ao fundo do túnel, que é o que todos estamos à espera", acrescenta.

O vídeo de Julian Lennon a cantar este tema serve a iniciativa "Global Citizen's Stand Up For Ukraine" [Cidadãos do Mundo Apoiam a Ucrânia], que nasceu nas redes sociais para chamar a atenção para a situação que se vive agora na Ucrânia e para angariar fundos para promover a ação dos líderes mundiais no sentido da paz.

"Como consequência da violência a que estamos a assistir, milhões de famílias inocentes viram-se forçadas a deixar o conforto das suas casas para procurar asilo em algum lugar. Apelo aos líderes mundiais e a todos os que acreditam no sentimento da Imagine para que apoiem os refugiados em todo o mundo", afirma, na mesma descrição do vídeo.

Assista aqui ao vídeo:

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Música

Mais Música

Patrocinados